PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Operadores do Nuvid: olhares atentos que fazem a diferença

13 de setembro de 2021 - 10:26 # # # # #

Ascom SSPDS - Texto

Olhar atento a qualquer situação atípica. A rotina dos operadores do Núcleo de Videomonitoramento (Nuvid) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS/CE), guiada pela discrição e pela sensibilidade das mulheres e homens que acompanham diuturnamente a rotina de milhares de cearenses, faz a diferença no fortalecimento da ordem pública. Contrariando algumas ideias errôneas, o trabalho dos operadores, além do combate à criminalidade, foca em ações que salvam vidas.

“Não aplicamos multas ou qualquer outro tipo de ação que possa invadir a privacidade das pessoas. Isso é totalmente proibido e os nossos operadores são fiscalizados a todo momento. A nossa rotina é utilizar as câmeras para auxiliar o trabalho das Forças de Segurança do Ceará. Monitoramos ou recebemos a ocorrência, acionamos a viatura mais próxima e conseguimos, com agilidade, solucionar um problema, aliando tecnologia, sensibilidade dos nossos operadores e a rapidez dos agentes nas ruas”, explica o tenente-coronel Eduardo Montenegro, supervisor do Nuvid/SSPDS.

Além das ocorrências de rotina como recuperação de veículos e o monitoramento de pessoas suspeitas, denunciadas por intermédio da Coordenadoria Integrada de Operações  de Segurança (Ciops), o olhar sensível e preciso dos operadores também captura situações e locais onde existe alguém que precisa de algum tipo de ajuda. Em 25 de maio de 2020, no bairro Praia de Iracema, Área Integrada de Segurança 1 (AIS 1) de Fortaleza, uma operadora observou que um homem idoso aparentava estar perdido na região, vagando pelas ruas. Rapidamente, ela acionou a composição da Polícia Militar do Ceará (PMCE) mais próxima, que se deslocou ao local, conversou com o homem de 77 anos e conseguiu contato com a filha da vítima. Depois disso, o homem foi entregue aos familiares.

“O que verificamos nas câmeras pode englobar vários tipos de situações, desde acidentes de trânsito, incêndios, ocorrências policiais, até ocorrências que envolvam a Defesa Civil. Se um operador observar um crime, por exemplo, em andamento, cria a ocorrência e aciona a composição. Ou podemos receber a denúncia via 190 ou Disque-Denúncia da SSPDS/CE (telefone 181). Com essas informações, mandamos a equipe para o local e auxiliamos no desfecho da ocorrência”, detalha o supervisor.

Os operadores do Nuvid ainda contam com apoio de sistemas como o Agilis, ferramenta que auxilia na recuperação de veículos furtados, roubados ou utilizados em outras situações que conflitam com a lei. “É rotineiro que a nossa equipe de operadores consiga encontrar rapidamente carros e motocicletas circulando nas ruas. Essa integração entre as tecnologias e as Forças de Segurança é um diferencial do Ceará”, comenta o tenente-coronel Eduardo Montenegro.

O coordenador do Nuvid, por fim, reforça que a estratégia se limita a auxiliar as ações da Polícia Militar do Ceará (PMCE), da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) e da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania de Fortaleza (AMC). “As imagens que são geradas aqui são sigilosas, e repito, não ferem a privacidade de terceiros. O acesso é limitado e somos rigorosamente fiscalizados”, finaliza.