PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Grupo Mulheres Indígenas Protegidas dos Orixás estreia episódio do “Nós no Batente” deste sábado (18)

15 de setembro de 2021 - 10:34 # # # # # #

Ascom Porto Dragão - Texto

A força e legado da mulher dos povos indígenas é tema do novo episódio neste sábado, às 18h, no Youtube do Porto Dragão

Contando suas próprias histórias e mostrando a riqueza da cultura popular dos movimentos indígenas cearenses, no terceiro episódio desta temporada, o programa “Nós no Batente” apresenta o grupo indígena da aldeia dos Tremembés – Itapipoca (CE), ‘Mulheres Indígenas Protegidas pelos Orixás’. O Nós no Batente é um programa realizado pelo Centro Cultural Porto Dragão, equipamento cultural da Secretaria da Cultura do Ceará (SecultCE), gerido pelo Instituto Dragão do Mar.

As ‘Protegidas dos Orixás’ são mulheres que representam todas as outras. Para elas, o grupo é uma forma de resistência Tremembé, representando o fruto de anos de luta pelos direitos das mulheres na população indígena. O principal objetivo das ‘Protegidas’ é valorizar a cultura dos índios da região e repassar os conhecimentos adquiridos pelos seus ancestrais, para as futuras gerações.

Confira os episódios já publicados da terceira temporada do Nós no Batente

 

No episódio, podemos perceber como fazer parte do grupo é importante para fortalecer vínculos e empoderar outras mulheres índias a também se identificarem, conhecerem e entenderem a importância de seu papel na sociedade e sentirem orgulho do que são.

“Nós no Batente” e sua terceira temporada

O programa “Nós no Batente” apresenta o Viver de Arte de diversas formas, olhares e linguagens. Nesta terceira temporada, 16 episódios cheios de inventividade e afeto serão apresentados quinzenalmente, sempre às 18h, inspirando através dos saberes populares, dos territórios criativos e de tudo mais que é plural, transversal e diverso na arte e na cultura cearense. Todo o programa pode ser acompanhado através do Youtube do Porto Dragão, equipamento cultural da Secretaria da Cultura do Ceará, gerido pelo Instituto Dragão do Mar (IDM).

Já passaram pelo ‘batente’ nesta temporada, a produtora de conteúdo da periferia de Fortaleza ‘Ventinflix’ e a atriz e cantora trans Yara Canta. Ainda estão por vir as histórias das bibliotecas comunitárias Livro Livre Curió e Biblioteca Comunitária Sabiá, do rapper Erivan Produtos do Morro, do artista de rua Eduardo Show, das produtoras do grupo Princesinhas da Favela, da cultura indígena de Benício Pitaguary, dos museus Toinha do Quilombo Água Preta e Dim Brinquedim, do Reisado de Caretas de Potengi e do Mestre Françuli, do movimento social do Terreiro das Pretas e do design e cuidado manual do artesanato de Dona Tarina de Cascavel e das jóias do Rabelo de Quixeramobim.

São talentos diversos, de múltiplas linguagens e territórios criativos espalhados por todo Ceará. O “Nós no Batente” viajou por vários locais e agora, apresenta o resultado dessa busca em episódios intensos e acessíveis a todas as pessoas, investindo em práticas de Acessibilidade Cultural como a interpretação em LIBRAS, legendas e audiodescrição assinada pelo músico, compositor, arranjador e intérprete Hélio Ziskind.

Temporadas disponíveis

O público pode conferir as 02 temporadas já existentes com mais de 20 episódios disponíveis no Youtube do Porto Dragão. A 1ª temporada mostra um recorte das artes cênicas cearenses com 10 episódios e a 2ª teve gravações que viajaram pelos quatro cantos do Estado, explorando as outras centralidades do Ceará, com 12 episódios. Todos com interpretação em LIBRAS e audiodescrição.

Serviço

Nós no Batente – 3ª temporada
Estreia do Episódio 03 com Mulheres Indígenas Protegidas dos Orixás
18/9, sábado, às 18h
Youtube.com/PortoDragao