PortugueseEnglishSpanish
PortugueseEnglishSpanish

Municípios do Baixo Jaguaribe aderem ao Programa SRH nas Escolas

28 de outubro de 2021 - 10:25 # # # #

Marina Filgueiras - Ascom SRH - Texto

Seis municípios do Comitê de Bacia Hidrográfica do Baixo Jaguaribe aderiram ao Programa SRH nas Escolas. Atualmente o projeto está sendo desenvolvido nos municípios da bacia do Curú e Acarape, além de Apuiarés e oito municípios da Região Metropolitana de Fortaleza.

Nessa nova etapa do Programa, se inseriram os municípios de Aracati, Limoeiro do Norte, Quixeré, Itaiçaba, Palhano e Icapuí. A adesão foi realizada através das secretarias de Meio Ambiente e Educação de cada município. O Programa realiza um trabalho com crianças na faixa etária de 10 anos, através da Cartilha Educativa “Gotinha Nossa de Cada Água”, que ensina educação ambiental e economia de água através de uma história fictícia.

A ação, que já envolve mais de 15 mil crianças de escolas municipais, propõe a discursão de temas importantes para a sociedade, como aquíferos, preservação de mananciais, ciclo da água, abastecimento, mata ciliar, poluição e reciclagem. Com a adesão dos seis novos municípios, o Programa deve envolver diretamente cerca de 5 mil novas crianças.

No mês de novembro já serão iniciadas as formações com os professores de literatura e ciências da natureza para detalharem dos trabalhos a serem incluídos no calendário escolar, de acordo com o Programa.

Gotinha Nossa de Cada Água

O Governo do Ceará, através do Sistema Integrado de Gestão dos Recursos Hídricos, acredita que só com a participação das crianças na discussão do problema da água é que se pode garantir um futuro de preservação, com acesso de todos à água de qualidade.

A Cartilha Gotinha Nossa de Cada Água é um livro didático que leva o conhecimento da água e do meio ambiente para crianças cearenses. O livreto trata de temas relacionados educação ambiental, exemplificado por uma gota que enfrenta todo o ciclo da água passando por problemas e situações naturais, destacando a gestão compartilhada das águas realizadas no Ceará, através dos Comitês de Bacias.

De acordo com a coordenadora do Projeto, Márcia Caldas, a cartilha servirá como paradidático, mas também terá uso em outras disciplinas. “Na história da Gotinha nós grifamos vários termos importantes que vão ajudar o professor na didática da aula. Termos como evaporação, nascente, agrotóxicos entre outros deverão ser explicados em sala, facilitando o entendimento da criança”.