PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Serviço de Fisioterapia do HMJMA proporciona cuidado a pacientes há mais de 45 anos

28 de outubro de 2021 - 11:33 # # # # #

Diana Vasconcelos - Ascom HMJMA - Texto e fotos

Fisioterapeuta Jéssica Araújo faz sessão de cinesioterapia em paciente para acelerar recuperação pós-cirúrgica

Há 33 anos, o policial militar Francisco Alves dos Santos foi atingido por três tiros durante uma ocorrência no bairro Montese, em Fortaleza. Uma das balas perfurou a cabeça. Apesar de tudo indicar que o agente ficaria paraplégico, a assistência adequada de emergência e o serviço de Fisioterapia do Hospital e Maternidade José Martiniano de Alencar (HMJMA), unidade da Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa), proporcionaram recuperação e qualidade de vida a Santos.

“A bala não me matou, mas lesionou o sistema nervoso”, disse o policial, hoje com 71 anos. Após tratar os ferimentos, ele foi encaminhado para reabilitação no HMJMA – à época Hospital da Polícia Militar. Santos foi atendido pela primeira equipe de fisioterapeutas da unidade, formada no fim da década de 1970. “Ele passou muito tempo fazendo fisioterapia aqui. Em alguns momentos, eu mesma cheguei a duvidar da recuperação dele, mas, aos poucos, ele foi melhorando”, lembrou a fisioterapeuta Angela de Araújo Lima, hoje coordenadora do serviço.

Apesar de ainda apresentar dificuldades de coordenação motora dos membros inferiores, o agente de segurança recuperou as forças nas pernas. Tempo depois, teve a oportunidade de ter mais três filhos. Os laços formados por ele e a equipe de saúde do HMJMA foram tão fortes que Angela foi escolhida como madrinha de um dos meninos. “Mantemos contato até hoje”, destacou a coordenadora da equipe, que já soma 45 anos de atuação no Martiniano de Alencar.

Atualmente, o HMJMA conta com uma equipe ambulatorial formada por 15 profissionais que atendem pacientes provenientes do Sistema de Regulação do Estado.

Parte da equipe de Fisioterapia do Hospital Martiniano de Alencar; ao todo, são 22 profissionais da área distribuídos nos setores ambulatorial e de internação hospitalar

Uma segunda equipe, formada por outros sete profissionais, atua no setor de internação hospitalar auxiliando na recuperação de pacientes pré e pós cirúrgicos. Entre eles, está a fisioterapeuta Jéssica Raylle de Araújo, 29. A profissional diz se sentir realizada na profissão. “Eu me apaixonei, gosto muito da área que atuo dentro do ambiente hospitalar, com pacientes pré e pós cirúrgico”.

“Se não fosse por ela, acho que não estaria com essa mobilidade que estou”, afirmou o paciente Lusivaldo Marques de Oliveira, 39. Técnico de RH, ele foi internado no dia 19 de outubro para operar uma hérnia e diástase abdominal. “É muito bom poder acompanhar a recuperação de cada paciente e vê-los receberem alta”, ressaltou a fisioterapeuta.

O ambulatório de Fisioterapia do HMJMA atende de segunda a sexta-feira, com cinesioterapia, mecanoterapia e eletroterapia. Já na internação, o atendimento funciona todos os dias, com cinesioterapia e fisioterapia respiratória, conforme a necessidade de cada pessoa. “Estamos sempre buscando o melhor para os nossos pacientes, por isso temos um serviço de Fisioterapia bastante completo”, pontuou a diretora-geral da unidade, Silvana Furtado Sátiro.