PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Pacientes internados no Hospital de Saúde Mental participam de palestras sobre saúde do homem e diabetes

12 de novembro de 2021 - 09:08 # # # # #

Milena Fernandes - Ascom HSM Texto e Fotos

Atividades musicais, corte de cabelo, além de palestras sobre câncer de próstata e diabetes fazem parte da programação

Os pacientes internados no Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto (HSM), unidade da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), estão participando de uma série de atividades durante este mês, quando ocorre a campanha Novembro Azul, para conscientização sobre diabetes e saúde do homem.

As atividades estão sendo organizadas e realizadas pelo Centro de Terapia Ocupacional e de Fisioterapia do HSM, com a colaboração de estagiários de Enfermagem e de Psicologia, além de profissionais de outros setores. Já foram realizadas atividades musicais, corte de cabelo, além de palestras sobre câncer de próstata, diabetes e higiene bucal.

A gestora e terapeuta ocupacional Marcionília Andrade explica que essas ações voltadas aos pacientes masculinos são muito importantes, pois eles prestam menos atenção à própria saúde e têm baixa adesão aos exames preventivos. “Com as palestras, mostramos a eles a importância dos exames e da prevenção para obter um diagnóstico precoce e do quanto é necessário ter a conscientização de que o homem também precisa se cuidar”, reforça.

Iniciativa foi desenvolvida pelo Centro de Terapia Ocupacional e de Fisioterapia do HSM, com a colaboração de estagiários de Enfermagem e de Psicologia, além de profissionais de outros setores

O paciente Z.S, 47, conta que foi uma surpresa grande ter participado dessas atividades. “É a primeira vez que eu fico internado aqui e o que tem me chamado muita atenção é o carisma e o cuidado dos profissionais com os pacientes. A campanha Novembro Azul aqui no hospital nos alerta sobre os cuidados que devemos ter conosco. E a reflexão que fica é que a prevenção deve ser praticada em todas as áreas da nossa vida, nos relacionamentos amorosos, familiares, na saúde física e mental. Aprendemos muito com os profissionais deste hospital”.

O paciente R.J.B, 35, que está internado há dois meses na unidade, observa que esse tema deve ser tratado durante o ano todo e reconhece a importância de participar dessas ações oferecidas pelo hospital. “Cada um de nós deve se conscientizar sobre a necessidade de fazer a prevenção e os exames todos os anos, de não ter medo de ir ao médico ou achar que isso é frescura, pois temos que nos prevenir e valorizar a nossa saúde”, frisa o gari coletor.