PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Preço da vagem cai 40% na Ceasa em Maracanaú

23 de novembro de 2021 - 09:22 # # # #

Helena Demes - Ascom Ceasa - Texto

O mercado agrícola inicia a semana bastante movimentado e bem abastecido no entreposto da Ceasa em Maracanaú. É o que mostra o comparativo mensal relativo ao período de 25 de outubro a 22 de novembro de 2021, elaborado pelo Sistema de Informação de Mercado da Ceasa (Sima).

As hortaliças fruto que tiveram queda nos preços no período foram a vagem macarrão (-40%), encontrada a R$ 4,50/kg, o pepino verde (-30%), R$ 0,70/kg, o maxixe, o quiabo e o milho verde (-16,67%), vendidos, respectivamente, a R$ 5,00/kg e a R$ 0,50 a espiga do milho. Queda também no preço do chuchu (-12,50%), R$ 1,40/kg. Aumento no preço do tomate cajá (+18,18%), R$ 5,20/kg, do feijão verde (+11,11%), R$ 10,00/kg e da abóbora de leite (+7,69%), encontrada a R$ 2,80/kg.

No setor de frutas, queda no preço do jenipapo (-20%), R$ 8,00/kg, da pitaya vermelha (-14,29%), R$ 18,00/kg, do morango (-10,71%), R$ 25,00 a caixa com 1,2 kg e do limão galego (-10%), vendido a R$ 3,60/kg. Os maiores aumentos no setor foram no preço do maracujá grande (+58,14%), R$ 6,80/kg, das mangas coité e moscatel (+29,41), encontradas a R$ 2,20/kg, da manga Tommy (+28,57%), R$ 1,80/kg e das mangas espada e Itamaracá (+25%), encontradas a R$ 1,50/kg.

Nas folhosas, as maiores quedas indicadas no comparativo mensal foram nos preços da couve flor (-28,57%), encontrada a R$ 2,50/kg e da acelga (-27,78%), vendida a R$ 1,30/kg. Preço em alta para o repolho híbrido (+28%), comercializado a R$ 3,20/kg.

O setor de raiz, bulbo e rizoma registra queda no preço da beterraba extra roxa (-15,63%), vendida a R$ 2,70/kg e da cebola pêra (-7,41%), comercializada a R$2,50/kg. Alta nos preços da cebola roxa (+27,03%), vendida a R$ 4,70/kg da cenoura Nantes (+22,73%), R$ 2,70/kg e da macaxeira (+11,11%), encontrada a R$ 2,00/kg.

Na cesta básica, queda no preço da farinha amarela/branca (-41,67%), vendida a R$ 2,80/kg, do feijão carioquinha (-4,62%), encontrado a R$ 6,20/kg e da farinha de trigo com fermento (-2,33%), vendida a R$ 4,20/kg. Preços em alta para o café (+20%), vendido a R$ 120,00 a caixa com 05 kg, e para o açúcar (+6,25), a R$ 3,40/kg.