PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Cresce a procura por produtos natalinos na Ceasa-CE

10 de dezembro de 2021 - 13:13 # # # #

Helena Demes - Ascom Ceasa

Com a chegada do mês de dezembro, cresce no entreposto da Ceasa em Maracanaú a procura por produtos que compõem a mesa natalina dos cearenses. Porém, alguns deles sofreram grandes aumentos no comparativo anual entre os meses de dezembro de 2020 e dezembro de 2021, elaborado pelo Sistema de Informações do Mercado Agrícola da Ceasa-CE (Sima).

É o caso, por exemplo, da uva passa preta, que registrou aumento de (+85,19%) no período, saindo de R$ 135,00 para R$ 250, 00/cx com 10kg. Ainda no setor das frutas secas, alta no preço das nozes sem casca (+75,00%), de R$ 80,00 para R$ 140,00/kg, o damasco seco turco (+66,67%), de R$ 60,00 para R$ 100,00/kg, ameixa seca sem caroço (+50%), saindo de R$ 240,00 para R$ 360,00/cx com 10kg e ameixa seca com caroço (+47,62%), de R$ 210,00 para R$ 310,00/cx com 10kg.

Dentre as frutas frescas natalinas, a romã foi a que teve maior redução no preço (-60%), saindo de R$ 100,00 para R$ 40,00/cx com 4kg, seguida da uva Benitak (-14,29%), de R$ 140,00 para R$ 120,00/cx com 20kg, do morango premium (-14,29%), de R$ 35,00 para R$ 30,00/cx com 1.250kg. Já as frutas frescas que registraram maior alta foram o pêssego nacional (+25%), de R$ 8,00 para R$ 10,00/kg, a maçã importada (+11,11%), de R$ 180,00 para R$ 200,00/cx com 20kg, a pitaia (+11,11%), de R$ 18,00 para R$ 20,00/kg e a maçã granny smith (+10,53%), de R$ 190,00 para R$ 210,00/cx com 20kg.

As frutas frescas nacionais que tiveram redução nos seus preços foram a maçã (-21,43%), de R$ 140,00 para R$ 110,00/cx com 18kg, a laranja lima (-15,38%), de R$ 130,00 para R$ 110,00/cx com 20kg, e o melão rendinha (-10%), de R$ 100,00 para R$ 90,00/cx com 10kg. Preços em alta para o limão siciliano (+54,41%), de R$ 136,00 para R$ 210,00/cx com 15kg, a laranja da Pérsia (+9,09%), de R$ 110,00 para R$ 120,00/cx com 20kg e o tomate cereja (+7,69%), de R$ 13, 00 para R$ 14,00/kg.

Segundo Odálio Girão, analista de mercado da Ceasa-CE, a elevação nos preços das frutas importadas, principalmente a uva passa, a uva preta, o pêssego e o limão siciliano que vem da Espanha, além de outros produtos vindos da Ásia, Grécia e França, têm provocado aumento nos preços. “A elevação do dólar impactou e o transporte marítimo ou mesmo aéreo para alguns produtos foram os principais responsáveis pelo aumento nos preços destes produtos no final do ano”, explica.

“Já a queda nos preços de alguns produtos nacionais, deve-se à boa produção em nosso País, a exemplo da romã, que está com preço muito bom, a maçã nacional em plena safra na região Sul, principalmente no Paraná e Santa Catarina, maiores produtores de maçã nacional. Laranja lima também se destaca, com produção vinda de São Paulo e Paraná, chegando ao mercado com preço muito bom,” finaliza Girão.