PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Papai Noel doador chega ao Hemoce nesta quarta (15) para incentivar gesto solidário

13 de dezembro de 2021 - 14:03 # # # # # #

Emmanuel Denizard - Ascom Hemoce Texto
Fotos: José Armando/Arquivo Pessoal Fotos

José Armando é funcionário público e se veste de bom velhinho para lembrar da importância da doação de sangue e plaquetas para preparar os estoques para o período das festas de fim de ano

A magia do Natal vai tomar conta do Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce) nesta quarta-feira (15). O Papai Noel vai estar, a partir das 10h, na sede do hemocentro, em Fortaleza, incentivando doações voluntárias de sangue e tornando o dia de doadores, pacientes e colaboradores da unidade vinculada à Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) ainda mais especial. A ação traz o espírito natalino ao Hemoce e busca preparar o estoque de hemocomponentes para o período das festas de fim de ano.

José Armando, 56, se veste de bom velhinho e faz a alegria não só de quem o encontra fantasiado, mas também de outras pessoas que sequer o conhecem e precisam de transfusão. O Papai Noel é doador voluntário de sangue e plaquetas do hemocentro há mais de 20 anos. Em 2021, será a sexta vez que o funcionário público virá como um dos símbolos do Natal à unidade. “Vir para o Hemoce vestido de bom velhinho é uma maneira de evangelizar e levar a minha mensagem de Natal, além de uma palavra de esperança. Nesse momento, também falo sobre a importância da doação de sangue”, resume.

A vontade de se vestir de Papai Noel começou há 25 anos, na rua em que morava. Posteriormente, Armando passou a fazer eventos e visitar instituições, levando a alegria e tornando o Natal de alunos e pacientes mais feliz. “Tudo iniciou em 1996. Depois, passei a ir em festas de escolas e todo dinheiro que recebia transformava em doações de presentes, como bolos, refrigerantes, bombons e pipocas. Era um dinheiro abençoado que se multiplicava. Também comecei a visitar voluntariamente outros locais, como o Hemoce e o Instituto do Câncer”, diz.

Homenageado na Semana Nacional do Doador Voluntário de Sangue deste ano pela sua regularidade nas doações de plaquetas, José Armando já realizou 114 doações (74 de plaquetas e 40 de sangue) no Hemoce. “Doar sangue e plaquetas é fazer o bem sem olhar a quem, é um ato de amor. É muito especial poder dividir com os outros aquilo que tenho de precioso. Me sinto muito feliz e agradeço pela minha saúde; doou de coração e não por obrigação. Quando os profissionais do Hemoce pensam em me convocar, eu já estou é doando”, brinca.

Doador voluntário há mais de 20 anos, José Armando, 56, já realizou 114 doações, sendo 74 de plaquetas e 40 de sangue

O funcionário público ainda lembra de quando começou a doar plaquetas. “Um certo dia, estava doando sangue e fiquei curioso, observando a sala da frente. Ao sair da coleta, passei na sala da doação de plaquetas e perguntei à enfermeira, que me explicou e avaliou minha veia dizendo que era ‘calibrosa’. A partir daí, passei a doar apenas plaquetas por aférese, por ter um número menor de doadores do que a doação de sangue convencional e permitir doar até quatro vezes ao mês, enquanto a de sangue total permite quatro vezes por ano”.

O Hemoce relembra que as doações de sangue precisam ser realizadas com antecedência para que os estoques estejam sempre abastecidos para todas as demandas, principalmente de urgência e emergência. “O mês de dezembro é um mês que preparamos o estoque para as festas de fim de ano e as férias do mês de janeiro. O Papai Noel no Hemoce tem esse objetivo de passar uma mensagem de solidariedade, pois a doação de sangue pode ser o presente de alguém. Portanto, a gente deixa esse convite para quem puder agendar sua doação e procurar uma unidade do Hemoce mais perto de você. Ainda dá tempo de terminar 2021 com a solidariedade em dia”, reforça Nágela Lima, coordenadora de Captação de Doadores do equipamento.

Seja um doador

Para se candidatar à doação de sangue, é preciso estar saudável, bem alimentado, pesar acima de 50 kg, ter entre 16 e 69 anos e apresentar um documento oficial com foto. Os menores de idade devem portar o termo de consentimento padrão assinado pelos pais ou responsável legal. O documento está disponível no site do hemocentro.

O Hemoce está recebendo os doadores com hora marcada para evitar aglomerações nas unidades. Os voluntários podem agendar um horário pelo site: doador.hemoce.ce.gov.br ou pelos telefones de contato. Em Fortaleza, os doadores podem ligar para (85) 3101-2305 ou (85) 99681-7597 – WhatsApp.

Na Capital, a população pode doar na sede do Hemoce, na Av. José Bastos, 3390 – Rodolfo Teófilo; nos postos de coleta do hemocentro na Praça das Flores, na Av. Desembargador Moreira, s/n – Aldeota; ou nas unidades do Shopping Parangaba, na Av. Germano Franck, 300 – Parangaba, e do Instituto Dr. José Frota (IJF), na Rua Barão do Rio Branco, 1816 – Centro. No interior cearense, os doadores podem realizar o gesto de solidariedade nos hemocentros regionais de Sobral, Quixadá, Iguatu, Crato e Juazeiro do Norte.

Serviço

Visita do Papai Noel doador ao Hemoce
Local: Sede do Hemoce (Av. José Bastos, 3390 – Rodolfo Teófilo – Fortaleza)
Quando: quarta-feira (15), às 10h
Agendamento de doações: doador.hemoce.ce.gov.br ou pelos telefones: (85) 3101-2305 e (85) 99681-7597 (WhatsApp)