PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Gramado da Arena Castelão passará por revitalização e futebol será liberado a partir de 22 de janeiro

20 de dezembro de 2021 - 18:16 # # # # #

Mona Lisa Mazza - Ascom Sejuv Texto
Sílvio Jr. - Ascom Sejuv Fotos

Sejuv, SOP e clubes estudam também a implantação de gramado híbrido em março

Em coletiva de imprensa, na tarde desta segunda-feira (20), o secretário do Esporte e Juventude, Rogério Pinheiro, concedeu entrevista juntamente com o superintendente da Superintendência de Obras Públicas (SOP), e representantes de Ceará, Fortaleza e Federação Cearense de Futebol (FCF), sobre as obras pelas quais o gramado da Arena Castelão está passando e informou que o estádio estará liberado para jogos a partir de 22 de janeiro, data da abertura da Copa do Nordeste. Ceará X Globo/RN atuarão no gramado que será revitalizado.

Os clubes tiveram três opções de escolha para intervenção do gramado: Grama Natural (70 a 90 dias de obra); Grama Híbrida (60 dias); e Grama Sintética (60 dias). No entanto, diante do calendário de jogos do início da temporada 2022, a escolha foi pela revitalização do gramado, que tem a duração de 30 dias e já está sendo executada.

“Neste momento iremos realizar a revitalização do gramado, que irá durar 30 dias, e iremos trabalhar junto aos clubes a possibilidade de realizar em março deste ano o sistema híbrido no gramado”, disse o secretário do Esporte e Juventude, Rogério Pinheiro.

Está em estudo por Sejuv, SOP e clubes, a possibilidade de que o Castelão feche por 15 dias em março para mudança total do atual gramado para o gramado híbrido, com grama natural (90%) e sintética (10%). Em janeiro, será feita uma visita ao Maracanã, no Rio de Janeiro, onde está sendo instalada essa modalidade de gramado, para uma avaliação.

O momento será para analisar o gramado híbrido da arena carioca que estará neste período recebendo uma máquina da Holanda para a execução do trabalho e ajudar na escolha do melhor gramado para Arena Castelão.

Outras arenas

De acordo com o Superintendente de Obras Públicas do Estado do Ceará, Quintino Vieira, com a possível parada na Arena Castelão, os clubes irão contar com outras arenas do Estado. “Vamos contar, no Cariri, com a Arena Romeirão, que pode receber os jogos, e Horizonte e Caucaia também estarão disponíveis para esse momento de pausa da Arena Castelão”, afirmou o superintendente, informando que as prefeituras de Caucaia e Horizonte estão promovendo melhorias em seus estádios para que possam ser utilizados neste momento.

Caso seja mantida só a revitalização do gramado, será necessário diminuir a quantidade de jogos para que o campo de jogo permaneça em bom estado até o mês de novembro, quando acaba a temporada de 2022. Só então seria feita a troca completa do gramado da Arena Castelão.

Obras no gramado

As intervenções de revitalização do gramado da Arena Castelão começaram logo após o último pela Série A do Campeonato Brasileiro, entre Fortaleza x Bahia, no dia 9 de dezembro.

Primeiro foi realizada a poda, um rebaixo do corte de preparação para corte vertical. Em seguida, ocorreu o corte vertical drástico, que proporciona uma limpeza da grama e a eliminação de palha e excesso de grama para estimulação ao desenvolvimento de raiz e novas folhas.

No atual momento, está sendo feita a descompactação da grama (aeração com vazadores sólidos no solo compactado que retarda o desenvolvimento da grama). Em seguida, virão o Topdressing (cobertura de areia para nivelamento leve do solo) e a adubação (aplicação de produto especializado para a incorporação de nutrientes para impulsionar o desenvolvimento da grama para novas folhas).

“O gramado melhorou com os intervalos (de jogos). A decisão é difícil, mas iremos trabalhar juntos para execução do melhor serviço no gramado da Arena Castelão”, pontuou o presidente do Fortaleza Esporte Clube, Marcelo Paz.

“Vamos jogar no Romeirão. Os clubes ganharam muito com a modernização do equipamento. A decisão em conjunto sobre o gramado com os clubes foi o melhor entendimento”, ressaltou o diretor administrativo do Ceará Sporting Club, Raimundo Pinheiro.

A Arena Castelão passa constantemente por uma programação de manutenção: replantio da grama, corte, adubação, descompactação do solo, entre outros serviços. Cada tipo de intervenção depende, entre outros fatores, além da necessidade periódica, de intervalo sem jogos e de condições climáticas adequadas.

Recorde de jogos

O equipamento finalizou a temporada 2021 com 83 jogos realizados na temporada de 2021. A última partida foi entre Fortaleza e Bahia, pela 38ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O segundo estádio com mais jogos em 2021 é o Maracanã, com 68. Em terceiro, está o Mineirão, com 67.

Em 2022, a Arena Castelão receberá partidas de Campeonato Cearense, Série A do Campeonato Brasileiro, Série C do Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil, Copa do Nordeste, Copa Sul-Americana e Copa Libertadores da América.