PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Pacientes com esquizofrenia relatam satisfação com tratamento durante comemoração de Natal

22 de dezembro de 2021 - 11:08 # # # # #

Milena Fernandes - Ascom HSM

Pessoas com o diagnóstico têm tratamento multidisciplinar, com apoio de psicólogos, psiquiatras, assistentes sociais e nutricionistas

No Hospital de Saúde Mental Professor Frota Pinto (HSM), unidade da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), a esquizofrenia é uma das doenças que têm acompanhamento ambulatorial específico. O hospital, que é referência no tratamento de doenças psiquiátricas, também se destaca no controle e tratamento da esquizofrenia. Atualmente, cerca de cem pacientes diagnosticados com esse tipo de transtorno estão sendo acompanhados pelo Núcleo de Estudos em Esquizofrenia (Nuesq), ambulatório da Residência em Psiquiatria do equipamento.

Nesta terça-feira (21), os pacientes participaram de uma confraternização natalina. Alguns deles, e até mesmo familiares, aproveitaram a oportunidade para relatar a importância do atendimento realizado no hospital. A assistente pedagógica Simone Evangelista, 46, que acompanha o tratamento da filha há seis anos no HSM, conta que o diagnóstico de esquizofrenia foi feito quando a menina tinha 16 anos. Desde então, ela vem realizando o tratamento especializado na unidade do Estado. “Aqui, ela recebe toda a medicação necessária, está bem estabilizada e tem um acompanhamento psiquiátrico de excelência. Não teria condições de pagar nem de comprar essas medicações se não tivesse esse atendimento no serviço público”, avalia.

Leia também: Pacientes com esquizofrenia recebem tratamento multidisciplinar no HSM

O paciente Francisco Renato da Silva, 29, também vem apresentando melhoras significativas com o tratamento realizado no HSM há mais de três anos. “Eu não conseguia me socializar e era agressivo. Mas com o acompanhamento que recebo aqui, estou bem melhor. Venho para as consultas todas as semanas, não falto. Já fiz vários cursos técnicos e trabalho com minha mãe produzindo bolos e salgados em casa”, diz.

Um mural com fotos de pacientes decorou o espaço onde foi realizada a confraternização natalina

O diferencial do Nuesq é o tratamento multidisciplinar, com apoio de psicólogos, psiquiatras, assistentes sociais e nutricionistas. A família do paciente também recebe suporte psicoeducacional. A psicóloga Ana Carla Castro enfatiza que o Núcleo desenvolve várias atividades lúdicas como parte do tratamento. “Utilizamos a psicoterapia individual e em grupo, com recursos interativos, situações reais, onde eles são convidados a atuar, trocar experiências, falar sobre seus interesses, sempre mediados pelos psicólogos”, ressalta.

A esquizofrenia é uma doença mental crônica, caracterizada por distorções do pensamento e da percepção, com manias de perseguição, delírios, apatia e isolamento social. De acordo com a psiquiatra Nayana Holanda, o atendimento ambulatorial é fundamental para prevenir as crises, internações e a progressão da doença. “Ao perceber os primeiros sinais, é muito importante buscar atendimento médico para confirmar o diagnóstico e iniciar o tratamento. Quanto mais acompanhamento, menos limitações e prejuízos funcionais e cognitivos para o paciente”, indica.

Serviço

Núcleo de Estudos em Esquizofrenia (Nuesq) do HSM
Endereço: Rua Vicente Nobre de Macedo, s/n – Messejana
Para ter acesso ao ambulatório é necessário ser encaminhado pela Central de Regulação do Estado