PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Cearenses são convocados para 1ª fase do Camping Escolar Paralímpico 2022, em São Paulo

24 de janeiro de 2022 - 17:05 # # # # # # #

Ascom Sejuv - Texto e Foto


O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) convocou sete cearenses, entre atletas e técnicos, para participar do Camping Escolar Paralímpico, que será realizado no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, de 29 de janeiro a 5 de fevereiro.

“O nosso estado é referência nas paralimpíadas e nos sentimos honrados em ser representados pelos atletas e técnicos neste grande evento realizado pela CPB”, disse o secretário do Esporte e Juventude, Rogério Pinheiro.

Confira aqui a lista completa dos convidados para o Camping 2022.

Durante o período na Capital paulista, os atletas são submetidos a testes, avaliações, assistem palestras, além dos treinamentos.

Os atletas que participam do Camping, além de cumprirem todas as atividades propostas pelos técnicos do CPB e confederações, responsabilizam-se por participarem de competições regionais e/ou nacionais de suas modalidades ao longo do ano.

Para a atleta Rebeca Soares, da modalidade de basquete 3×3, o momento vai ser de aprendizado. “Ter recebido o convite e ser escolhida para participar de uma fase de treinamento e conhecimento de uma nova rotina, vai ser muito gratificante, um momento de muito aprendizado. Espero que venha evolução e muito resultado”, afirmou a atleta.

“Foi uma boa surpresa, eu não esperava participar e, muito menos ainda, ser convidado para ser o professor responsável. Fiquei muito feliz com o convite, vou trabalhar com a turma que é a base do nosso futuro do basquete em cadeira de rodas. Irei mostrar pra eles um pouco de como funciona o treinamento de rendimento e as seleções. Vai ser muito prazeroso tanto pra mim quanto para os atletas”, disse o técnico de basquete 3×3, Francilído de Andrade.

A atleta Laura Vitória de Sousa, da modalidade de basquete 3×3, espera que o momento venha engrandecer o seu currículo. “A oportunidade de participar do camping, eu vejo como um crescimento em relação ao basquete. Eu tenho certeza de que vou aprender muito nesses dias. E isso vai engrandecer muito na minha vida, tenho certeza que vai engrandecer o meu currículo esportivo”, afirmou Sousa.

O projeto é idealizado e realizado pelo CPB desde 2018 e tem como objetivo proporcionar a jovens atletas, com idade entre 12 e 17 anos, selecionados a partir das Paralimpíadas Escolares, o primeiro contato com a rotina de um atleta de alto rendimento.

Ao todo, 120 atletas participarão desta primeira fase do Camping, sendo 20 para o atletismo, seis para o basquete em cadeira de rodas (3×3), oito para bocha, nove para o futebol de 5, 14 para o futebol de 7 (para atletas com paralisia cerebral), sete para o goalball, oito para o judô, 20 para a natação, seis para o parabadminton, três no parataekwondo, dois no tênis em cadeira de rodas, sete no tênis de mesa e nove no vôlei sentado.

Além dos atletas, 21 técnicos e dois guias foram convidados para participar do Camping para também terem contato com rotinas dos profissionais de alto rendimento.