PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Apreensões de armas de fogo realizadas pelas Forças de Segurança do Ceará crescem 39,6% em fevereiro de 2022

18 de março de 2022 - 13:13 # # # # #

Ascom SSPDS

No acumulado do ano, 1.139 armas de fogo foram retiradas das mãos de suspeitos

Entre janeiro e fevereiro de 2022, as Forças de Segurança do Ceará apreenderam 1.139 armas de fogo, em ações da Polícia Militar do Ceará (PMCE) e da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE). Somente em fevereiro, foram 628 armas, o que representa um aumento de 39,6%, em comparação com o mesmo mês em 2021, quando foram recolhidas 450. Os dados foram extraídos pela Gerência de Estatística e Geoprocessamento (Geesp) da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp).

O aumento também é notado quando se compara o acumulado dos dois primeiros meses de 2022, com 1.139 apreensões, em comparação com o mesmo período no ano anterior, quando 972 armas foram retiradas de circulação. O crescimento é estimado em 17,2%, sendo atribuído à integração entre a Polícia Militar do Ceará (PMCE), a Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE), bem como o reforço das ferramentas de tecnologia e da inteligência.

O coronel Kilderlan Sousa, comandante do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) da PMCE, lembra que as apreensões auxiliam na redução de outros crimes. Ele ressalta o papel dos raianos na retirada de circulação das armas. “Somente em 2021, das 6.080 armas de fogo apreendidas no Ceará, 2.117 foram recolhidas em ações do CPRaio, que segue a mancha criminal fornecida a partir de estudos da Supesp. Nossas equipes continuam procurando realizar, em todo o Ceará, um trabalho focado na prevenção à criminalidade, em um esforço concentrado em cinco batalhões, 19 companhias e 58 bases presentes em 58 cidades cearenses”, detalha.

12 mil armas apreendidas entre 2021 e 2022

Mais de 12 mil armas de fogo foram apreendidas nos anos de 2020 e 2021 no Estado do Ceará. As ações de abordagem, patrulhamento e de investigação realizadas pelas Forças de Segurança nos últimos dois anos resultaram na retirada de circulação de 12.197 armas em todo o território cearense. No decorrer do ano de 2021, 6.080 armas foram recolhidas pelas Polícias do Ceará. Já no ano de 2020, os profissionais da Segurança apreenderam 6.117 artefatos em todo o território estadual.