Começa construção da policlínica em prédio histórico de Iguatu

7 de abril de 2010

O antigo Hospital Santo Antônio dos Pobres, de Iguatu, desapropriado pelo Governo do Estado em 2007, depois que deixou de funcionar, vai passar por transformações para receber a policlínica e a sede da 18ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRES). Nesta quarta-feira, 7 de abril, o governador Cid Gomes e o secretário da Saúde, Arruda Bastos, assinam às 19h30min, em Iguatu, na Rua Wilson Roriz, s/n, bairro Santo Antônio, a ordem de serviço para o início das obras. O prédio do antigo hospital, fundado em 6 de junho de 1930 por Manoel Carlos de Gouveia, vai preservar as características arquitetônicas originais.

Com recursos do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), serão investidos R$ 6.943.469,96 nas obras de reforma e ampliação do prédio. Em equipamentos para a policlínica, o Governo investirá mais R$ 5.253.725,00 em recursos do Tesouro Estadual. A policlínica vai atender a uma população de aproximadamente 300 mil habitantes dos municípios de Acopiara, Cariús, Catarina, Iguatu, Deputado Irapuan Pinheiro, Jucás, Mombaça, Piquet Carneiro, Quixelô e Saboeiro.

Com o início do funcionamento da policlínica, a população dos municípios da 18ª microrregião de saúde passará a ter acesso à saúde nas seguintes especialidades: oftalmologia, otorrinolaringologia, clínica geral, cardiologia, ginecologia, mastologia, gastroenterologia, urologia, traumato-ortopedia, endocrinologia, angiologia e neurologia. Para os serviços de apoio diagnóstico e terapêutico serão garantidos radiologia convencional, mamografia, ultrassonografia, endoscopia digestiva, ecocardiografia, ergometria, eletrocardiograma, audiometria, coleta de patologia clínica, tomografia computadorizada, eletroencefalograma e endoscopia respiratória.

As policlínicas e os CEOs são unidades regionais do Programa de Expansão e Melhoria da Assistência Especializada à Saúde do Estado do Ceará. Do total de 39 obras do programa, sendo 21 policlínicas, 16 CEOs e dois hospitais regionais), cinco CEOs foram concluídos em Ubajara, Juazeiro do Norte, Baturité, Acaraú e Russas e três estão em construção. Já existem policlínicas regionais sendo construídas em Acaraú, Aracati, Baturité, Brejo Santo, Camocim, Campos Sales, Canindé, Icó, Itapipoca, Pacajus, Russas, Tauá. Como unidades regionais, nas policlínicas está garantida assistência aos moradores de todos os municípios que integram as microrregiões. O Hospital Regional do Cariri, com 209 leitos, ficará pronto no meio deste ano. Em Sobral, o Hospital Regional Norte será o maior de todas as cidades do interior do Nordeste, com 269 leitos.

 

07.05.10

Assessoria de Imprensa da Sesa
Marcos Sá e Selma Oliveira (soliveira@saude.ce.gov.br/ 3101.5220)