STDS faz ação de conscientização sobre a fome no mundo

14 de outubro de 2010

“Unidos Contra a Fome” é a temática de 2010 para a Semana da Alimentação. Dados recentes da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) revelam que mais de 1 bilhão de pessoas passam fome no mundo. Diante disso, o intuito da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), em parceria com o Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea-CE) e outras entidades públicas, é conscientizar a população sobre a importância da agricultura e da cooperação técnica internacional como ferramentas para debelar a fome. O evento acontece nesta sexta-feira (15), na Praça do Ferreira, como parte da extensa programação que se iniciou na última segunda-feira (11), e vai até o domingo (17).

 

Criada com o objetivo de promover a conscientização sobre as questões que envolvem a alimentação, a data, comemorada em 150 países, é celebrada durante a Semana da Alimentação, e no Ceará é organizada pela STDS, em parceria com o Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea-CE). “A partir do tema deste ano, pretende-se estimular a reflexão entre as pessoas sobre o quadro atual de insegurança alimentar no Brasil e no mundo”, explica a coordenadora da Célula de Segurança Alimentar e Nutricional da STDS, Regina Praciano.

 

Na Praça, haverá programação cultural com a participação de grupos de teatro, dança, repentistas, e os artistas mirins do Circo Escola Bom Jardim, unidade da STDS. Haverá, ainda, prestação de serviços à comunidade tais como orientação nutricional, educação alimentar, oficina de manipulação e higiene de alimentos e orientação ao direito do consumidor e exposição dos trabalhos de entidades parceiras da Secretaria.


Contra a Fome e pela Alimentação

A Semana vai debater a maior participação das populações rurais, com ênfase nas mulheres camponesas, dentro das decisões e atividades coletivas que visam melhorar as condições de vida no campo. “A ideia é que, fortalecendo a consciência política e social do problema entre os cidadãos e cidadãs rurais, criaremos novos mecanismos de combate à fome”, conclui Regina.

 

Em consonância com a FAO, a STDS vai debater, ao longo da Semana da Alimentação, a solidariedade cooperativa entre as instituições da sociedade civil, União, Estados e Municípios para gerar ações que combatam a fome entre os mais vulneráveis.

 

III Feira Familiar

Ainda em celebração à Semana Mundial da Alimentação, a STDS e o Conselho Estadual de Segurança Alimentar – Consea-CE, junto a órgãos públicos e entidades da sociedade civil, promovem a III Feira da Agricultura Familiar e Economia Solidária nesta quinta-feira (14), das 15 às 21 horas na Praça da Gentilândia (Av. 13 de Maio). Na praça, será montada uma estrutura de feira que contará com produtos da agricultura familiar cearense, agroecologia e economia solidária, além de comidas típicas, artesanatos e atrações culturais.

 

Ações da STDS: Restaurante Popular

No trabalho de combate à fome, a STDS realiza ações baseadas em práticas alimentares saudáveis, a exemplo do Restaurante Popular Mesa do Povo, na Parangaba. Aberto ao público, o restaurante oferta 1.700 refeições diariamente, ao custo de um real. O preparo das refeições populares é acompanhado por nutricionistas.

 

Durante toda a semana, o Mesa do Povo terá programação especial, com oficinas diárias, visitas de escolas públicas da área ao equipamento e apresentações artísticas e culturais.

 

Mais informações: Regina Praciano (Coordenadora da Célula de Segurança Alimentar e Nutricional da STDS) – 31012131.

 

14.10.2010

 

Assessoria de Imprensa da STDS

Carlos Eugênio (imprensa@stds.ce.gov.br – 85 3101.2089)