Castelão: Primeira etapa será entregue na segunda quinzena de agosto

6 de julho de 2011

A primeira etapa das obras de ampliação, modernização e adequação do estádio Plácido Aderaldo Castelo, o Castelão, será entregue na segunda quinzena de agosto. A fase um da reforma compreende as instalações da nova Secretaria de Esporte do Estado e da primeira etapa do estacionamento. “Estamos trabalhando para deixar o Castelão pronto a tempo de sediar a Copa das Confederações, que será realizada em julho de 2013, o primeiro grande ensaio para o mundial de 2014”, afirmou o secretário especial da Copa, Ferruccio Feitosa.

Até o momento, mais de 700 colaboradores trabalham a todo vapor, em três turnos durante a semana, aos sábados e eventualmente aos domingos, para cumprir o cronograma de execução da obra, que ainda abrange outras três fases. A etapa dois, também em andamento com a construção da segunda etapa do estacionamento, já se encontra com 19% de execução. Já o terceiro estágio, que será o futuro Edifício Central, com todo o sistema nervoso do estádio, está com 23% dos trabalhos concluídos. A quarta e última fase, que corresponde ao restante da parte interna e integração de todas as etapas, já deu início ao serviço de terraplanagem.

Segundo Ferruccio Feitosa, a obra chegará a aproximadamente 50% de conclusão em dezembro deste ano. A certeza se deve graças a um rígido controle realizado pelo consórcio construtor, formado pelas empresas Galvão Engenharia e Andrade Mendonça.  Através de um software, é possível prever atrasos e apontar soluções com antecedência. Na última sexta-feira (01/07), uma comitiva técnica da FIFA veio a Fortaleza e elogiou o planejamento, controle e a condução da reforma.

Histórico – As obras da arena esportiva iniciaram no dia 13 de dezembro, data em que o Governador assinou a Ordem de Serviço e o contrato com o BNDES. No total, serão investidos recursos no valor de R$ 518.606 milhões, que incluem todas as intervenções internas e externas (característica inédita na construção dos estádios da Copa no Brasil), a construção do novo prédio da Secretaria do Esporte (Sesporte) e a operação do estádio por oito anos. A obra é a primeira Parceria Público Privada (PPP) do Estado. O consórcio vencedor da licitação, responsável pelo projeto é formado pelas empresas Galvão Engenharia S/A, Serveng Civilsan S/A e BWA Tecnologia de Informação LTDA.

Destaques

 

• Com a reforma, o estádio Castelão será a maior arena esportiva do Nordeste e terá capacidade para 67.037 espectadores, sendo o único da Região apto para receber uma semifinal.

 

• Valor da obra de reforma, ampliação, modernização e operação por oito anos (96 meses): R$ 518.606.000,00 (quinhentos e dezoito milhões, seiscentos e seis mil reais).

 

• Valor do contrato com o BNDES: R$ 351.545.150,00 (trezentos e cinquenta e um milhões, quinhentos e quarenta e cinco mil, cento e cinquenta reais).

 

• Com um concorrido processo licitatório, no qual participaram quatro consórcios e uma empresa, o Governo do Estado conseguiu uma economia de R$ 99 milhões da proposta do edital para a da vencedora.

 

• O projeto já garantiu em seu edital todo o caderno de encargos exigido pela FIFA, incluindo as obras que serão feitas na parte externa do estádio e a aquisição de todos os equipamentos que serão necessários.

 

06.07.2011

Assessoria de Imprensa da Secretaria Especial da Copa 2014

Lisiane Linhares e Raquel Mourão (imprensa@secopa.ce.gov.br / 85 3101.6242)