Delegação cearense conquista 32 medalhas nas Paraolimpíadas Escolares 2011

2 de setembro de 2011

A delegação cearense encerrou sua participação nas Paraolimpíadas Escolares Nacionais 2011 com um ótimo resultado. Em sua primeira participação efetiva nos jogos, o Ceará conquistou 32 medalhas, sendo 13 de ouro, 11 de prata e 8 de bronze. A equipe cearense contou com o apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria do Esporte, para participarem das competições, que aconteceram de 26 à 31 de agosto, em São Paulo.

 

Com o resultado, o Ceará ficou em segundo lugar entre os estados da região Nordeste, atrás apenas do Rio Grande do Norte. A equipe do Ceará levou 19 paraatletas, com deficiências física, visual e intelectual, que competiram nas modalidades atletismo, natação e tênis de mesa. A delegação contou ainda com 12 integrantes da equipe técnica. Participaram das Paraolimpiadas Escolares Nacionais 2011, 24 estados brasileiros.

 

No atletismo, destaque para a cearense Pamela Almeida, que ganhou medalha de ouro em todas as provas que disputou. Ainda no atletismo, Norberto de Araújo, do município de Sobral, venceu os 100m. Quem também subiu no pódio foram: Nayane Leitão, medalha de prata no salto em distância para deficientes visuais, e Lucas Lima nos 1.500m, ambos, alunos da Sociedade de Assistência aos Cegos.

 

Na natação, as revelações foram as estreantes Mariane Aguiar, de Sobral e Ana Raquel Vieira, de Fortaleza, que conquistaram o bronze nos 50 m costas e a prata no 100m livre, respectivamente. Já a veterana Rochelle da Silva de Maracanaú, venceu nos 50m, 100m e 400m livre. Na natação para deficientes visuais, quem também subiu ao pódio foi o cearense Vitor Soares, na classe S11, ficando em segundo lugar nos 50 e 400m livre. No Tênis de Mesa, Lucas Dourado, único representante cearense na modalidade, foi o campeão na categoria 12 – 15 anos, classe 2 – cadeirante.

 

O resultado completo de todas as modalidades e de todos os paraatletas encontra-se no site www.cpb.gov.br

 

Paraolimpíadas Escolares 2011

 

A Paraolimpíadas Escolares é promovida pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro (CPB) e tem por objetivo fomentar e estimular a participação de estudantes de todo o território nacional com deficiência física, visual e intelectual na pratica de atividades esportivas. Os jogos também são uma oportunidade de utilizar a prática esportiva como fator de integração e intercâmbio sociocultural e desportivo entre estudantes.

 

02.09.2011

Assessoria de Comunicação da Sesporte

Manuella Viana (manuella.viana@esporte.ce.gov.br / 85 3101.4415)