Copa 2014: o grande mérito do Ceará foi técnico

27 de outubro de 2011

Exatamente uma semana depois de Fortaleza saber que será uma das quatro sedes da Copa da Confederações e que abrigará dois jogos da Seleção Brasileira durante a Copa do Mundo de 2014, o Castelão recebeu na tarde desta quinta-feira (27), a visita do presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira. Ao lado do governador Cid Gomes e do secretário especial da Copa, Ferruccio Feitosa, o presidente da CBF conferiu de perto o avanço das obras do Castelão – esse foi o primeiro estádio do Brasil a receber a visita – e justificou o lugar de destaque da arena nos dois grandes eventos do futebol mundial.

 

 

IMG_9342“O número significativo de jogos que o Ceará vai receber na Copa das Confederações e na Copa de 2014, é um reflexo de todo o esforço e trabalho realizados, além de merecimento para toda a população. O grande mérito cabe ao Ceará, ao grande trabalho que o Ferruccio fez, fundamentado nas orientações do projeto determinado pelo governador Cid. O grande mérito foi o técnico, de vocês estarem na posição de um estado que efetivamente terá uma enorme participação na Copa de 2014 e na Copa das Confederações”, definiu Ricardo Teixeira.

 

Para Cid Gomes, a quantidade de jogos que o Ceará vai receber é motivo de muito orgulho e responsabilidade. “Nós vamos ter que nos desdobrar para que tudo aconteça bem aqui em Fortaleza e aqui no Ceará. Eu tenho a convicção de que pra esse resultado positivo foi fundamental a realização de investimentos, haja visto o porte que a arena vai ter, mas foi fundamental o carinho que o presidente Ricardo Teixeira tem demonstrado ao longo da sua vida com o Estado do Ceará”, disse o Governador.

 

IMG_9340Na ocasião, Cid Gomes apresentou a maquete física da arena Castelão e em seguida foi realizada uma visita ao novo prédio construído na Etapa I da obra, concluída em agosto deste ano. O Governador enfatizou a gratidão que sente pela Fifa, pelo Comitê Nacional e pela CBF, com relação ao reconhecimento pela estratégia adotada para as obras do Castelão. “O Castelão é o maior estádio do Norte e Nordeste brasileiro. E isso com certeza foi fator decisivo pra que a gente tivesse a quantidade de jogos e a participação que nós vamos ter tanto na Copa das Confederações, realizando uma das semifinais e mais dois jogos, como na Copa do Mundo”, completou Cid. A visita foi acompanhada de perto pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Roberto Cláudio; pelo secretário dos Esportes Gony Arruda; pelos deputados estaduais Daniel Oliveira, Tim Gomes, Osmar Baquit e Júlio César; pelo cantor e compositor Fagner; pelo presidente da Federação Cearense de Futebol, Mauro Carmélio, e pelo vereador Leonelzinho Alencar.

IMG_7319

IMG_9202

 

 

27.10.2011 

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

Casa Civil

comunicacao@casacivil.ce.gov.br

85 3466-4898

Copa 2014: o grande mérito do Ceará foi técnico

 

O presidente da CBF, Ricardo Teixeira, ressaltou que o número significativo de jogos no Castelão é resultado do esforço e trabalho realizados, além de merecimento para toda população.

 

Exatamente uma semana depois de Fortaleza saber que será uma das quatro sedes da Copa da Confederações e que abrigará dois jogos da Seleção Brasileira durante a Copa do Mundo de 2014, o Castelão recebeu na tarde desta quinta-feira (27), a visita do presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira. Ao lado do governador Cid Gomes e do secretário especial da Copa, Ferruccio Feitosa, o presidente da CBF conferiu de perto o avanço das obras do Castelão – esse foi o primeiro estádio do Brasil a receber a visita – e justificou o lugar de destaque da arena nos dois grandes eventos do futebol mundial.

 

“O número significativo de jogos que o Ceará vai receber na Copa das Confederações e na Copa de 2014, é um reflexo de todo o esforço e trabalho realizados, além de merecimento para toda a população. O grande mérito cabe ao Ceará, ao grande trabalho que o Ferruccio fez, fundamentado nas orientações do projeto determinado pelo governador Cid. O grande mérito foi o técnico, de vocês estarem na posição de um estado que efetivamente terá uma enorme participação na Copa de 2014 e na Copa das Confederações”, definiu Ricardo Teixeira.

 

Para Cid Gomes, a quantidade de jogos que o Ceará vai receber é motivo de muito orgulho e responsabilidade. “Nós vamos ter que nos desdobrar para que tudo aconteça bem aqui em Fortaleza e aqui no Ceará. Eu tenho a convicção de que pra esse resultado positivo foi fundamental a realização de investimentos, haja visto o porte que a arena vai ter, mas foi fundamental o carinho que o presidente Ricardo Teixeira tem demonstrado ao longo da sua vida com o Estado do Ceará”, disse o Governador.

 

Na ocasião, Cid Gomes apresentou a maquete física da arena Castelão e em seguida foi realizada uma visita ao novo prédio construído na Etapa I da obra, concluída em agosto deste ano. O Governador enfatizou a gratidão que sente pela Fifa, pelo Comitê Nacional e pela CBF, com relação ao reconhecimento pela estratégia adotada para as obras do Castelão. “O Castelão é o maior estádio do Norte e Nordeste brasileiro. E isso com certeza foi fator decisivo pra que a gente tivesse a quantidade de jogos e a participação que nós vamos ter tanto na Copa das Confederações, realizando uma das semifinais e mais dois jogos, como na Copa do Mundo”, completou Cid. A visita foi acompanhada de perto pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Roberto Cláudio; pelo deputados estaduais Daniel Oliveira e Júlio César; pelo cantor e compositor Fagner; pelo presidente da Federação Cearense de Futebol, Mauro Carmélio, e pelo vereador Leonelzinho Alencar.

 

 

 

27.10.2011

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

Casa Civil

comunicacao@casacivil.ce.gov.br

85 3466-4898