Pacientes do HGF recebem 50 próteses oculares

2 de julho de 2012

O Programa de Prótese Ocular do Hospital Geral de Fortaleza (HGF) completa 10 anos e realiza de 2 a 6 de julho, das 07 às 13 horas, mais um mutirão para colocação de 50 próteses em pacientes que tiveram perda do globo ocular. As causas mais recorrentes para a perda da visão são os acidentes domésticos envolvendo adultos e crianças. Há também casos de pessoas que perderam a visão em consequência de doenças como glaucoma, catarata e câncer. Serão atendidos pacientes já inscritos no programa, que deverão ir ao HGF com a solicitação médica feita por oftalmologista, carteira de identidade, CPF, Cartão Nacional de Saúde, cartão do prontuário do HGF e comprovante de residência. Se for menor de idade, o responsável deverá apresentar carteira de identidade, CPF e comprovante de residência, se não residir no mesmo endereço que o paciente.

 

O Programa de Próteses Oculares do HGF é mantido desde 2002 e tem o objetivo de reintegrar e recuperar a capacidade de trabalho de pacientes com perda de visão e promover condições de atendimento para colocação de prótese ocular. Todos os anos, o hospital realiza mutirões para distribuição de próteses oculares. Desde que foi iniciado, o Programa implantou 2.031 próteses. O Programa, coordenado pelo Serviço Social do hospital, é hoje o maior programa de distribuição de próteses oculares do país. O custo de cada prótese para o SUS é de R$ 458,31. Na rede particular, esse custo salta para uma média de R$ 900,00. Com a prótese, é possibilitado que a pálpebra volte a funcionar, impedindo a deformidade facial, melhorando a autoimagem e contribuindo para a elevação da autoestima.

 

Quem deseja receber a prótese precisa fazer o cadastro junto ao Programa de Próteses Oculares do HGF. Todas as pessoas com perda de visão e solicitação médica, independente se da rede pública ou não, podem fazer o cadastro. O atendimento para cadastro é feito diariamente das 7h30min às 12h30min, no próprio HGF, Rua Ávila Goulart, 900, Papicu. A inscrição pode ser feita também pelo telefone 3101.3294. Um novo mutirão acontecerá na primeira semana de agosto para pacientes inscritos.

 

02.06.2012

Assessoria de Imprensa da Sesa

Selma Oliveira / Marcus Sá (85 3101.5220)