“Sim” à doação de órgãos salvou a vida do menino Carlos Eduardo

21 de Fevereiro de 2013

Este ano tem sido bem diferente na saúde e na vida do menino Carlos Eduardo Avelino, com 11 anos, e de toda a família, do município de Arneiroz, região dos Inhamuns. No dia 12 de janeiro ele ficou livre da máquina de hemodiálise. Após uma cirurgia de transplante no Hospital Geral de Fortaleza (HGF), Carlos Eduardo ganhou um rim novo. “Ele está bem, fazendo tudo que uma criança faz”, diz a mãe, Rita de Cássia Avelino.

Essa história só está sendo contada pela Secretaria da Saúde do Estado porque existe a solidariedade. As três letrinhas da palavra “sim” da família que fez a doação foram decisivas para Carlos Eduardo voltar a viver com saúde. O tempo de deixar por escrito ainda em vida que era um doador já passou. Está mais simples doar e ajudar a salvar vidas. Basta avisar a  família que você é um doador. Assim, o Ceará, conhecido pela solidariedade do seu povo, se mantém recordista em doações e transplantes e faz a campanha para mobilizar a população com a chamada “Doar transforma. Doe órgãos e ajude a fazer do Ceará um Estado cada vez mais solidário”. 

No país, o Ceará ocupa a terceira posição em maior número de doadores efetivos de órgãos. Com 21,4 doadores efetivos por milhão da população, o Ceará só fica atrás de Santa Catarina, com 26,4, e do Distrito Federal,com 21.8. O número de doadores efetivos no Estado passou de 148 em 2011 para 182 no ano passado, segundo publicação da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO). A Central de Transplantes do Estado atende pelo telefone (085) 3101. 5238.  

Mais “sins”

Outras pessoas precisam do “sim” da doação de órgãos que o menino Carlos Eduardo já sabe muito bem o poder que esta palavra representa. Na fila de espera, que há três anos já foi três vezes maior no Estado, há 682 pacientes. Aguardando rins da fila que o menino saiu, são 271 pessoas.   

 

21.02.2013

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira/ Marcus Sá
selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220/ 3101.5221 / 8733.8213
Twitter: @SaudeCeara
Facebook: www.facebook.com/saudeceara