Conselhos gestor e consultivo são criados para hospitais

7 de agosto de 2013

Com o objetivo inicial bem definido de reduzir a lotação nos hospitais, filas nos corredores, implementar classificação de risco, reduzir tempo de espera nas urgências e emergências, ampliação de leitos e agilizar a realização de exames e internações, o secretário da saúde do Estado, Arruda Bastos, assinou na última sexta-feira (02) portaria criando Conselhos Gestor e Consultivo nos hospitais da rede da Sesa. O primeiro hospital com os conselhos implantados é o Hospital Geral de Fortaleza (HGF), que tem a emergência mais movimentada da rede pública do Estado. Os próximos com conselhos implantados no aprimoramento da gestão e da assistência à população serão o Hospital de Messejana Dr. Carlos Alberto Studart Gomes, com emergência nas áreas de cardiologia e pneumologia, e o Hospital Infantil Albert Sabin, que tem emergência pediátrica. A previsão é de que até 2014 o projeto estratégico ser implantado em todos os hospitais públicos estaduais.

 

Os conselhos fazem parte de um novo projeto estratégico da Sesa que tem como finalidade aprimorar a gestão e melhorar assistência à saúde da população, numa parceria com diversas instituições, entre elas o Conselho Nacional de Secretarias de Saúde, Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Ceará,  Associação dos Municípios do Estado do Ceará, Associação dos Hospitais do Estado do Ceará, Conselho Estadual de Saúde, Federação das Misericórdias e Entidades Filantrópicas do Ceará, Conselho Regional de Medicina no Ceará, Conselho Regional de Enfermagem no Ceará e Universidade Estadual do Ceará. “A complexidade da gestão do SUS e o compromisso em atender com mais eficiência a população exige do gestor transparência, parcerias permanentes e integração com as mais diferentes instituições que representam os interesses da sociedade”, afirma Arruda Bastos. Ele lembra que “a gestão já trabalha integrada a importantes instituições, como o Conselho Estadual de Saúde (Cesau) e o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde ( Cosems) e que o projeto ampliará ainda mais a participação de gestores e profissionais que vivem no dia a dia o desafio de melhorar a saúde pública”.

 

Conselho Gestor

 

Os novos conselhos são formados, além de gestores da Sesa, por representantes do quadro de profissionais dos hospitais e de diferentes instituições. O Conselho Gestor do HGF é constituído pelo secretário da saúde do Estado, o superintende da SRU da Sesa, a coordenadora da Corac, a coordenadora da Copas, o coordenador da Coprom, o diretor do HGF, representante dos profissionais do hospital e ainda, numa integração reforçada com a gestão pública estadual, com representantes da Secretaria de Planejamento e Gestão, da Secretaria da Fazenda e também da academia, através da Universidade Estadual do Ceará. Entre as funções do Conselho Gestor, estão propor e adotar ações para aprimorar a gestão e assistência do hospital e assim acelerar as mudanças da  saúde na construção de um novo Ceará. 

 

Conselho Consultivo

 

Já o Conselho Consultivo do HGF, que tem entre as competências propor linhas de ação, programas e estudos voltados para a melhoria dos serviços prestados pelo hospital e acompanhamento e avaliação do desempenho, é composto de representantes do nível central da Sesa, um integrante da diretoria e um representante dos profissionais do hospital e por entidades que representam áreas da saúde e do controle social, como o Conselho Regional de Medicina, o Conselho Regional de Enfermagem, Conselho de Secretarias Municipais de Saúde, Secretaria de Saúde do Município de Fortaleza e o Conselho Estadual de Saúde.        

 

Veja na íntegra portaria que cria o Conselho Gestor do HGF
Veja na íntegra portaria que cria o Conselho Consultivo do HGF

 

06.08.2013

 

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá ( selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220 / 3101.5221)
Twitter: @SaudeCeara
www.facebook.com/SaudeCeara