Começa no Ceará curso de 21 dias do Programa Mais Médicos

26 de agosto de 2013

O curso de 21 dias para os médicos estrangeiros do Programa Mais Médicos, do Ministério da Saúde, começa nesta segunda-feira (26), às 18 horas, na Escola de Saúde Pública do Ceará. São 95 médicos de outros países, a maioria de Portugal, Cuba e Espanha. Eles chegaram a Fortaleza no último final de semana. Durante 21 dias de curso ficarão informados sobre a saúde pública brasileira, especialmente sobre o Sistema Único de Saúde (SUS), o perfil epidemiológico da população, e ainda sobre o Código de Ética, entre outros temas da rotina de trabalho dos sanitaristas. Após a conclusão do curso, com a participação de professores da Universidade Federal do os 95 médicos irão para os seus destinos de trabalho nos Estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Piauí e Maranhão.

 

O Programa Mais Médicos tem três objetivos prioritários, segundo o Ministério da Saúde: novas vagas de graduação em medicina e mudança na lógica de abertura dos cursos para atender as áreas prioritários do SUS, aprimorar a formação médica e fazer com que o estudante entre no mercado de trabalho já com experiência no SUS e levar médicos para periferias de grandes cidades e municípios do interior que sofrem com a carência de médicos. Conforme levantamento feito pelo Ministério com base em dados da Organização Mundial de Saúde nos anos de 2011 e 2012 no Brasil tem 1,8 médicos para mil habitantes, enquanto na vizinha Argentina são 3,2 médicos para atender mil habitantes e no Uruguai são 3,7 médicos por mil habitantes.

 

Participarão da solenidade de abertura do curso o secretário da saúde do Estado, Arruda Bastos; a secretária de saúde de Fortaleza, Socorro Martins;  o reitor da Universidade Federal do Ceará, Jesualdo Pereira Farias; a superintendente da Escola de Saúde Pública  do Ceará, Ivana Barreto; o presidente do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde, Wilames Bezerra; o comandante da 10º Região Militar, Carlos César Araújo Lima;  a coordenadora de Gestão do Trabalho e Educação em Saúde da Sesa, Lucia Arruda; o coordenador de Promoção e Proteção à Saúde da Sesa, Manoel Dias da Fonsêca Neto, e o presidente do Conselho Estadual de Saúde, João Marques de Farias.  

 

26.08.2013

Assessoria de Comunicação da Sesa

Selma Oliveira / Marcus Sá (selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220 – 3101.5221)

Twitter: @SaudeCeara

www.facebook.com/SaudeCeara