Bancos de leite mobilizam mães para doação de leite

9 de Abril de 2014

Com uma estrutura voltada para atender a necessidade dos bebês internados nas Unidades de Terapia Intensiva Neonatal e, com isso, ajudar na recuperação e reduzir o tempo de internação, os bancos de leite humano do Hospital Geral Dr. César Cals (HGCC), do Hospital Infantil Albert Sabin (HIAS) e do Hospital Geral de Fortaleza (HGF), todos da rede estadual de saúde, convidam as mães que estão amamentando para realizar a doação de leite.

 

A aproximação do feriado de Páscoa, juntamente com o feriado de 21 de abril, Dia de Tiradentes, torna o convite ainda mais especial, pois é necessário para garantir o estoque. O leite doado vai possibilitar um feriado tranquilo e viabilizar um tratamento mais eficaz, com uma recuperação mais rápida e saudável. Por isso, antes de viajar, ligue para o banco de leite mais próximo e faça a sua doação. Os bancos de cada hospital estarão prontos para atender por telefone, por e-mail e ainda agendar a coleta do leite em casa.

 

Para se ter uma ideia, os bebês que nascem no HGF, por exemplo, unidade terciária que cuida de pacientes com patologias de alta complexidade, geralmente são prematuros e precisam ser alimentados exclusivamente com leite materno. Lá o estoque é suficiente apenas para uma semana. No HGCC, onde prematuros extremos necessitam de, pelo menos, 10 a 15 litros de leite por dia, são cerca de 60 bebês internados no Centro de Neonatologia que precisam de leite humano. Além disso, o Hospital César Cals atende outras maternidades. Já no Albert Sabin, 34 crianças dependem exclusivamente do banco de leite humano para sobreviver. Atualmente, o HIAS conta com 35 doadoras voluntárias, quando o ideal seria 50 doadoras para funcionar com uma margem de segurança. No momento, possui apenas 19 litros no estoque para um total de 80 dietas diárias. Nos três hospitais, a doação é essencial e ajuda a salvar vidas.

 

Para doar, é muito fácil. Basta entrar em contato com um dos bancos de leite, tirar dúvidas, receber orientações sobre amamentação e doação e agendar a visita da equipe, que vai buscar o leite na casa da doadora. Para guardar o leite em casa, podem ser utilizados vidros de maionese ou café solúvel com tampa plástica, esterilizados. O leite deve ser conservado no congelador por até 10 dias. A coleta do leite doado é feita gratuitamente em domicílio.

 

As mães que estão amamentando e têm excesso de leite podem doar. Além de receber o leite doado, os bancos de leite realizam o processamento, ou seja, a pasteurização, um rigoroso processo de controle de qualidade, o fracionamento e a distribuição, além de promover e incentivar o aleitamento materno.

 

Serviço:

 

Banco de Leite Humano do Hospital Geral Dr. César Cals
Endereço: Avenida do Imperador, 545, Centro, Fortaleza, Ce
Horário de funcionamento: todos os dias da semana, 24 horas, inclusive feriados.
Telefone: 0800 286 5678
E-mail: bancodeleite@hgcc.ce.gov.br

 

Banco de leite Humano do Hospital Infantil Albert Sabin
Endereço: Rua Tertuliano Sales, 544-B, Vila União, Fortaleza, Ce
Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, de 7h às 17h
Telefone: 0800.280.4169

 

Banco de leite Humano do Hospital Geral de Fortaleza
Endereço: Rua Ávila Gulart, 900, Papicu, Fortaleza, Ce
Horário de Funcionamento: 7h às 17h, de segunda a sexta-feira.
Telefone: 3101.3335

 

09.04.2014

Assessoria de Comunicação do HGCC

Wescley Jorge (ascom@hgcc.ce.gov.br / 85 3101.5323 – 8828.7463)

Facebook.com/HospitalGeralCesarCals

Twitter: @Hosp_CesarCals

 

Assessoria de Comunicação do HIAS

Helga Santos (imprensa@hias.ce.gov.br / 85 3256.1574)

Twitter: @albertsabince
Facebook: albertsabince

 

Assessoria de Comunicação do HGF

Oona Quirino (85 8726.1212)