População em situação de rua é tema de Fórum promovido pelo CEDH

2 de maio de 2014

De um lado, a necessidade de segurança para a população em situação de rua. De outro, o tratamento dispensado pelos agentes de segurança a este público. Esses são os dois pontos tratados no I Fórum População em situação de rua, catadores de materiais recicláveis, agentes da segurança pública e instituições que atuam com essas pessoas. O debate é promovido pelo Conselho Estadual de Direitos Humanos (CEDH), vinculado à Secretaria de Justiça e Cidadania do Estado (Sejus), e acontece nesta próxima segunda-feira (05), às 08 horas, no auditório da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL).

 

O encontro é um dos primeiros passos da política estadual de atenção a essa população, articulada pela Sejus e executada pela Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS). “A criação dessa política é uma forma de aproximar a população de rua e os catadores de materiais recicláveis do próprio Governo e de instituições públicas e privadas”, destaca a secretária executiva do CEDH, Paula Vieira.

 

Para ela, o fórum vai iniciar uma sensibilização dos agentes de segurança pública para o tratamento dispensado a este público, tendo em vista suas especificidades, e ao mesmo tempo levantar a importância da segurança da população de rua, que é também extremamente exposta e vulnerável.

 

E o debate ganha ainda mais importância, ressalta Paula, às vésperas de um grande evento, como a Copa do Mundo. “Essa é uma população que também tem direito à cidade e é isso que estamos buscando mostrar com esse fórum”, destaca.

 

Serviço:

I Fórum população em situação de rua, catadores de materiais recicláveis, agentes da segurança pública e instituições que atuam com essas pessoas.
Local: Auditório da CDL. R. 25 de março, 882.
Data: 5 de abril, das 8h às 12h.

 

Programação:

 

8h30 – Painel I: Conhecendo a realidade das pessoas em situação de rua e catadores de materiais recicláveis. Com representantes do Centro Nacional de Defesa dos Direitos Humanos das Pessoas em Situação de Rua e Catadores de Materiais Recicláveis.
 
9h – Painel II: Conhecendo a realidade normativa. Com Amélia Soares Rocha, do núcleo de Direitos Humanos e Ações Coletivas da Defensoria Pública Geral do Estado do Ceará.

9h30 – Painel III: Direitos humanos dos policiais. Com Ana Paula Araújo de Holanda, da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas dos Direitos Humanos do Gabinete do Governador.

10h20 – Painel IV: Experiência do profissional da segurança pública junto à população em situação de rua e catadores de materiais recicláveis. Com Polícia Militar.

10h40 – Painel V: Abordagem policial à população em situação de rua e catadores de materiais recicláveis. Com o coronel Cláudio Mendonça, comandante do Batalhão de Policiamento Comunitário.

 

02.05.2014

Assessoria de Comunicação da Sejus

bianca Felippsen (ascom.sejus@gmail.com / 85 3101.2862)

Twitter:@sejus_ce
Facebook: sejusceara