IPCE registra queda de 15, 24% no setor “Raiz, Bulbo e Rizoma”

15 de julho de 2014

O Índice de Preços da Ceasa Ceará (IPCE), instrumento de pesquisa que analisa 64 itens do mercado atacadista divididos em cinco categorias diferentes, registrou, no mês de junho, uma queda acentuada no setor “Raíz, Bulbo e Rizoma”.  A média acumulada referente aos oito produtos pertencentes a este setor apresentou uma redução de -15, 24% em relação ao mês de maio.

 

Os produtos do setor citado que mais influenciaram na queda dos preços foram: a batata doce com -24,77%, a cebola roxa com -23,29%, a cenoura com – 19,89%  a cebola pêra com -19,51%, a batata inglêsa com -17, 21%, a macaxeira com -15,13%. Apenas o alho apresentou um aumento de 9% em relação ao mês de maio.

 

Segundo Odálio Girão Girão, Analista de Mercado da Ceasa, as quedas referentes aos produtos do setor Raiz, Bulbo e Rizoma, deve-se a excelente safra proveniente da Bahia, São Paulo e Pernambuco. O estado do Ceará também contribuiu com a produção de hortigranjeiros como a macaxeira e a batata doce, produzidos no Litoral Leste e na região da Ibiapaba.

 

Outros três setores apresentaram queda no mês de junho: o setor Frutas com -3,56%; Cesta Básica com -2,73% e Folha, Flor e Haste com -2,29%. Apenas o setor de Hortaliça Fruto fechou o mês com elevação de 6,82%. Diante disto, a média acumulada de junho dos produtos pertencentes aos cinco setores analisados no IPCE apresentou uma redução de -3,17%.

 

No setor Frutas, os produtos que mais declinaram foram o limão taiti com -37,23%, o abacaxi com -27,33% e a manga tomy atkins com -15,21%. A elevação deste setor ficou por conta da acerola com 20,51% e o mamão hawai com 13,29%.

 

Já no setor de Folha, Flor e Haste, os produtos que mais influenciaram a redução foram: o repolho com -6,68% e coentro e cebolinha com -5,80% respectivamente. Os itens que apresentaram elevação foram: a acelga com 19,18% e o couve-flor com 6,41%.

 

No setor Cesta Básica, o qual apresentou queda nos preços de – 2,73%, os principais itens que registraram redução foram : feijão de corda (macassar), com -18,54%, farinha de variedades branca e amarela com -14,29%, feijão carioquinha com -12,50% e óleo de soja com -5,17%.

 

O setor Hortaliça Fruto fechou o mês com elevação de 6,82%. Os destaques foram o feijão verde com 27,91%, milho verde com 27,50%, pimentão verde com 24,66%, chuchu com 16,37% e jerimum de leite e Jacarezinho com 16,23% respectivamente.

 

Para Odálio Girão, Analista de Mercado da Ceasa Ceará,  a queda nos preços de quatro dos cinco setores analisados pelos IPCE, no mês de junho, principalmente, no setor Raiz, Bulbo e Rizoma se deve as boas colheitas realizadas no período decorrente das safras locais e produções proveniente de outros estados como Bahia, São Paulo, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Minas Gerais.

 

15.07.2014

 

Assessoria de Comunicação da Ceasa Ceará
Karla Camila | 85-8817.4743 – 85 3299.1701