HUB: governador se reúne com a presidenta da TAM em São Paulo

2 de julho de 2015

    O governador Camilo Santana participou na manhã desta quinta-feira (2), em São Paulo, de reunião com a presidenta da TAM, Claudia Sender. O encontro, que durou mais de um hora, contou com a participação dos senadores cearenses, Tasso Jereissati, José Pimentel e Eunício Oliveira, e do secretário André Facó (Infraestrutura).  “Essa união em torno do HUB mostra que esse é um projeto de estado, não individual. Estamos aqui juntos para demonstrar isso. Há uma mobilização muito forte para que esse projeto venha para o Ceará”, citou Camilo Santana.

 

    No dia 22 de junho, o governador Camilo Santana reuniu no Palácio da Abolição mais de mil representantes da sociedade civil, lideranças empresariais e políticas para trazer o HUB da TAM para o Ceará. Com a mobilização “Todos Unidos pelo HUB da TAM no Ceará”, Camilo procura sensibilizar sobre a importância do empreendimento para o Estado, não apenas com o objetivo de consolidar a vocação turística, mas fortalecer a economia cearense no longo prazo. “O Ceará tem feito muitos investimentos que têm potencializado o turismo nos últimos anos. Não tenho dúvida de que temos infraestrutura necessária para receber o equipamento”, ressaltou o governador, na ocasião.

 

Rcamilosampa2 O HUB representa investimento de R$ 4 bilhões e deve promover a geração de 10 mil empregos diretos e indiretos, além de um incremento histórico para o turismo, comércio e setor de serviços como um todo. Com a instalação do empreendimento, o Ceará terá crescente oferta de voos diretos, começando com 14 voos para a Europa.

 

 

    Planejamento estratégico

 

    As articulações do Governo do Ceará para a implantação do HUB da TAM no Aeroporto Internacional Pinto Martins começaram ainda no mês de abril, quando o governador Camilo Santana fez o primeiro contato com a presidente da empresa aérea, Cláudia Sender, por telefone.

 

    Em maio, o governador se reuniu com a presidenta Dilma Rousseff no Palácio do Planalto, em Brasília, quando buscou o compromisso de incluir o aeroporto de Fortaleza no pacote de concessões do Governo Federal, o que será fundamental para a instalação do centro de conexões.

 

    Na ocasião, houve ainda uma reunião com o ministro da Aviação Civil, Eliseu Padilha, reforçando a importância da retomada das obras de ampliação do aeroporto de Fortaleza. No Ceará, foi realizado outro encontro entre os secretários de Estado com representantes da Infraero e da Prefeitura de Fortaleza, para montar o plano estratégico do Estado.Desde então, várias ações foram realizadas para trazer o HUB para o Ceará. Entre elas, a reunião do governador Camilo Santana com bancada federal cearense em torno do mesmo objetivo.

 

    Com planejamento, Fortaleza apresentou seu programa de investimentos, ações, incentivos e facilidades para receber o HUB da TAM, em um esforço conjunto do Governo do Estado, Prefeitura de Fortaleza e Assembleia Legislativa. A inclusão do Aeroporto Internacional Pinto Martins no pacote de concessões do Governo Federal reforça ainda mais a competitividade da capital cearense.

 

 

    O que é um HUB

 

    Hub é um aeroporto que se destaca no contexto de um país ou região pela sua dimensão e pela sua atração de um grande número de voos, abrindo maiores possibilidades de receber visitantes. Também se pode denominar hub ao aeroporto onde uma determinada companhia aérea possui a sua sede, hangares ou terminais dedicados.

 

 

    Desenvolvimento do Ceará

 

    A instalação de um HUB no principal aeroporto do Ceará, o Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, representa um avanço significativo para a economia do Estado. Isso porque cerca de 73% da economia cearense são baseados em serviços, alavancados principalmente pelo turismo.

 

    Segundo a Secretaria do Turismo do Ceará (Setur), somente na última alta estação, o Ceará recebeu 1.023.485 turistas. O período compreende os meses de dezembro de 2014 e janeiro e fevereiro deste ano. A demanda de visitantes teve um acréscimo de 5,3% em comparação com os números do mesmo período do ano anterior, quando o Estado recebeu 971.350 turistas. Foi gerada uma receita de R$ 2,1 bilhões durante a alta estação, número 23,8% maior que no ano passado.

 

    Um centro de conexões aeroviárias facilita, do ponto de vista logístico e empresarial, a oferta e a procura por pacotes para um destino já consolidado como é o Ceará. Comprovado pelo segundo ano consecutivo como o melhor Estado destino do Brasil pelos agentes de viagem do Estado de São Paulo, o maior mercado emissor de turistas do País.

 

 

 Crédito imagens: Divulgação/ Gov do Ceará

 

 

02.07.2015

 

Thiago Cafardo
Porta-voz / Governador

 

Giselle Dutra
Gestora de Célula/Secretarias

 

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado – Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br
(85) 3466.4898