Batalhão de Divisas em formação é treinado para atuar em ocorrências com bombas e explosivos

27 de julho de 2015

Visando combater ações contra bancos envolvendo bombas e artefatos explosivos em área rurais e nas fronteiras do Ceará, um grupo de 85 policiais militares participou, na manhã desta segunda-feira (27), de treinamento ministrado por especialistas do Esquadrão Antibombas do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate).

 
A instrução faz parte da segunda edição do Curso de Policiamento de Divisas (CPD) realizado pela Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará (AESP) e aborda assuntos como a identificação de artefatos explosivos, características e tipos de explosivo e explosões, além das medidas de segurança aplicáveis nesse tipo de ocorrência –  como técnicas de isolamento da área e importância das ferramentas utilizadas pela unidade antibombas da PMCE.
 

Rbombeiros1Durante a ação os alunos simularam uma abordagem e os policiais encontraram explosivos em um veículo suspeito. A partir deste momento eles tinham que identificar o tipo de explosivo, fazer o isolamento do perímetro e acionar o esquadrão antibomba. Então, a equipe especializada do Gate, com o uso de robôs, braços mecânicos e trajes antifragmentação, desarma o artefato encontrado.

 
Segundo o coordenador do curso, capitão do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque),  Alkimar Sampaio, apesar da Polícia possui uma equipe especializada para atender esse tipo de ocorrência, é importante que o policial que está atuando nas fronteiras do Estado possua conhecimentos técnicos para identificar esse tipo de artefato e saiba que procedimento seguir em situações desta natureza. “Um dos focos do Batalhão de Divisas é combater assalto a bancos, e é muito comum neste tipo de crime o uso de explosivos. Com esse conhecimento, na hora que o policial acionar o Esquadrão do Gate, ele já vai repassando todos os pontos principais para a equipe antibomba e quando a equipe especializada já chega ao local com uma estratégia para neutralizar esse artefato”, explicou.

 

 
Batalhão de Divisas

 
A primeira etapa do projeto foi implantada no último dia 11, quando foram iniciadas as atividades das duas primeiras companhias do Batalhão de Divisas. A 1ª CIA foi instalada no município de Penaforte, sendo responsável por 293,3 Kms de fronteira, nos municípios de Brejo Santo, Jatí, Penaforte, Jardim, Barbalha, Crato, Santana do Cariri, Araripe e Salitre, que fazem divisa com o Estado de Pernambuco. Já a 2ª CIA, sediada no Centro de Limoeiro do Norte, cobre cerca de 290,3 Km, atendendo os municípios de Icó, Pereiro, Ererê, Potiretama, Alto Santo, Tabuleiro do Norte e Limoeiro do Norte, que fazem divisa com o Estado do Rio Grande do Norte.

 
A implantação da segunda fase do Batalhão de Divisas do Ceará está prevista para o mês de setembro, quando serão instaladas duas companhias, uma no município de Poranga e outra em Chaval.

 

 

Fotos: Larissa Nobre e Samara Amaral / AESP

 

 

 

27.07.2015

 
Assessoria de Imprensa da AESP
Samara Amaral ( samara.amaral@aesp.ce.gov.br / 85 3484.1909)

 

Gestor de células/secretaria
Ciro Câmara ( ciro.camara@casacivil.ce.gov.br /85 3466.4898)

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br