Projeto de bovinocultura em Russas é discutido em Audiência Pública realizada pela Semace

28 de setembro de 2015

A ampliação do projeto de bovinocultura leiteira da empresa Esperança Agropecuária e Indústria Ltda, localizada na Zona Rural do município de Russas, foi pauta da Audiência Pública presidida pela Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), na última quinta-feira (24). O objetivo foi apresentar ao público presente os estudos ambientais referentes ao licenciamento do empreendimento.

 

A reunião contou com a participação de líderes e representantes das comunidades do entorno da Fazenda Açude das Melancias, local onde fica o empreendimento. Na ocasião, eles assistiram as explanações de técnicos da consultoria ambiental contratada e da Fazenda também. Eles abordaram: dimensão da área (localização), atividades, impactos ambientais, medidas mitigadoras, metodologia, benefícios, dentre outros.

 

“Concluímos que a implantação do projeto de bovinocultura leiteira naquela localidade é viável em termos legal, técnico-ambiental e econômico”, destacou a consultoria Ambiental, responsável pela elaboração do Relatório de Impacto Ambiental (Rima) do projeto. Ainda de acordo com a empresa, como uma das medidas mitigadoras deverá ser implantado um sistema de segurança que atenda às necessidades do empreendimento.

 

A Fazenda Açude das Melancias possui uma área total de 15.628,8436 hectares. O empreendimento está localizado aproximadamente 105 km da sede do município de Russas e 137 km de Fortaleza, percorrendo pelas rodovias BR-116 e CE-138, e permitindo acesso aos mercados fornecedores de insumos da produção.

 

Ainda segundo a empresa responsável, o empreendimento produzirá leite para vender às indústrias de beneficiamento do estado do Ceará. “Ressalta-se que não está previsto o abate de animais na fazenda, sendo este de responsabilidade dos compradores, bem como atividades relacionadas à reprodução artificial”, enfatiza a Esperança Agropecuária.

 

A atividade da bovinocultura leiteira empregada será do tipo semi-intensiva, com o objetivo de produção de leite. A produtividade nesse tipo de sistema é maximizada desde que, dispondo de condições adequadas de higiene e conforto para os animais.

 

A Audiência foi concluída com o esclarecimento de dúvidas dos técnicos da consultoria ambiental e da Fazenda à equipe multidisciplinar da Semace e demais participantes presentes. Na ocasião, o projeto foi bem avaliado pelos representantes comunitários.

 

 

Técnicos em campo

 

Como parte do procedimento do licenciamento, a equipe de técnicos da Semace realizou no mesmo dia da Audiência uma vistoria no local do empreendimento, analisando alguns aspectos pontuados na apresentação do Rima.

 

 

Audiências Públicas

 

As audiências públicas têm o objetivo de apresentar o projeto do empreendimento objeto do licenciamento ambiental e do seu estudo ambiental para a população, esclarecendo dúvidas e recolhendo dos presentes críticas e sugestões. É necessária a participação popular, principalmente das comunidades diretamente envolvidas.

 

Antes da realização das audiências públicas, a Semace promove a divulgação do evento através de veículos de comunicação, comunidades afetadas direta ou indiretamente, além de órgãos públicos federais, estaduais e municipais. Após sua realização e conclusão do estudo, a equipe multidisciplinar da Autarquia deverá emitir um parecer técnico para apreciação e aprovação do Conselho Estadual de Meio Ambiente (Coema) sobre a viabilidade ambiental do projeto.

 

 

28.09.2015

 

Ana Luzia Brito
Assessoria de Comunicação da Semace
Twitter: @Semace
Facebook: semace.gov

 

Assessoria de Comunicação – Ascom
Superintendência Estadual do Meio Ambiente – Semace
Governo do Estado do Ceará
(85) 3101-5554

 

Sabrina Lima
Gestora de Célula/Secretarias

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado do Ceará
Casa Civil / (85) 3466.4898