Camilo Santana e Roberto Cláudio autorizam construção de 1.760 unidades habitacionais em Fortaleza

16 de outubro de 2015

O governador Camilo Santana, e o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, assinaram nesta sexta-feira (16) o início das obras do residencial Luiz Gonzaga, no bairro Ancuri, na capital. O residencial, que abrigará 1.760 unidades habitacionais, é o maior da modalidade “Minha Casa, Minha Vida – Entidades” no Brasil. O conjunto habitacional receberá investimentos de R$ 130,6 milhões oriundos da União e do Estado e integra o programa Agenda Fortaleza, uma ação integrada entre Governo do Estado e Prefeitura de Fortaleza que permite a realização de atividades em variados setores e a ampliação de serviços à população.

 

Runnamed2Durante a solenidade, o governador Camilo Santana destacou a importância da obra para a população. “Essa é uma conquista, uma luta de vocês. Um sonho de uma mãe, um pai de família de ter uma moradia digna, livre de aluguel. Pessoas que muitas vezes saem de um barraco. Estamos aqui iniciando a maior obra do ‘Minha Casa, Minha Vida – Entidades’ do Brasil. É muito importante a participação dos movimentos sociais, isso é resultado da ação de vocês”. O governador destacou as parcerias entre Governo Federal, a Prefeitura e a Caixa Econômica Federal. “As obras já começam hoje e logo as primeiras 500 das 1760 casas ficarão prontas até julho do próximo ano. Quando o Roberto Cláudio me procurou eu disse que era uma obrigação minha autorizar esse empreendimento”, disse.

 

Runnamed6O prefeito Roberto Cláudio agradeceu a parceria do governador Camilo Santana para que o sonho de milhares de famílias pudesse se tornar realidade. “A gente tinha esse compromisso com as entidades. Foram muitos encontros, mas precisávamos de cerca de R$ 20 milhões para tocar o projeto. Recorri ao governador Camilo Santana e bastaram dois minutos. Ele disse ‘Roberto, eu darei o apoio que você precisar’. Muito obrigado governador pela sensibilidade”, disse.

 

Runnamed9Uma das beneficiadas com o residencial Luiz Gonzaga é a aposentada Maria de Nazaré da Costa, que destacou o esforço conjunto para que as novas moradias se tornassem realidade.  “Estávamos pelejando por isso desde 2009, não era possível que não desse certo. Tenho certeza que minha vida vai mudar muito. Eu, que moro sozinha e agora terei descanso, vou ter uma vida de rosas”, disse.

 

Marcaram presença na solenidade o secretário de Cidades, Lúcio Ferreira Gomes; o assessor especial de acolhimento de Movimentos Sociais, Acrísio Sena; os deputados federais José Guimarães, Chico Lopes e José Airton; além da secretária de Habitação de Fortaleza, Eliana Gomes, vereadores, e líderes comunitários.

 

 

Residencial Luiz Gonzaga

 

O residencial Luiz Gonzaga está localizado no bairro Ancuri e em sua primeira fase serão construídos cinco módulos. As unidades habitacionais possuem 47,3m² divididos em dois quartos, cozinha, um banheiro, sala e varanda. O projeto do residencial também prevê a construção de praças e centros de lazer, pistas para caminhada, campo de futebol, quadras de areia, playground e demais espaços de convivência. A construção será realizada pela Construtora Fujita Engenharia.

 

O empreendimento é fruto da parceria entre o Governo do Estado do Ceará e a Prefeitura de Fortaleza. A Secretaria das Cidades vai executar a obra, com investimentos da ordem de R$ 19,7 milhões a construção da primeira etapa do empreendimento. Graças ao aporte estadual, a Prefeitura garantiu o início da obra.

 

 

Entidades beneficiadas

 

O programa “Minha Casa, Minha Vida (MCMV) – Entidades” contempla os movimentos sociais que se habilitam, apresentam a demanda e são os responsáveis pela gerência do empreendimento; com apoio técnico, operacional e financeiro do poder público. Seis entidades estão sendo beneficiadas: Cearah Perifeira, Associação Habitat para a Humanidade, Federação das Entidades de Bairros e Favelas de Fortaleza, Sociedade Comunitária de Habitação Popular Unidos do Curió, Associação dos Moradores do Parque Novo Paraíso e Associação Comunitária do Parque Jerusalém.

 

 

MCMV em Fortaleza

O Programa “Minha Casa, Minha Vida – Faixa 1” tem contratados só em Fortaleza 25.088 unidades habitacionais, distribuídas entre 29 empreendimentos. Destas, estão em construção 21.632 UHs, em 20 projetos.

 

O Governo do Estado já aportou um total de recursos da ordem de R$ 110,4 milhões de reais para obras do Programa Minha Casa Minha Vida em Fortaleza.

 

 

 

Fotos: Queiroz Neto

 

 

16.10.2015

Thiago Sampaio
Repórter/Célula de Reportagem

Giselle Dutra
Gestora de Célula/Secretarias

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado – Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br
(85) 3466.4898