Além da vacina, cuidados simples podem evitar gripe

10 de Maio de 2016

Neste ano, até esta terça-feira (10), foram confirmados 10 casos de gripe A (H1N1). Desse total, foram seis óbitos em cinco municípios de diferentes regiões do Estado, sendo dois em Caucaia, um em Fortaleza, um em Juazeiro do Norte, um em Jaguaretama e um em Sobral. As informações foram divulgadas na atualização semanal das doenças de notificação compulsória, feita pela Secretaria da Saúde do Estado e publicada no site www.saude.ce.gov.br. Além da vacina, que protege os grupos prioritários e está nos postos de saúde dos municípios até o dia 20 deste mês de maio, cuidados simples de prevenção individual ajudam a evitar que o vírus H1N1 se espalhe. Um dos cuidados mais eficazes é lavar as mãos frequentemente com água e sabão e utilizar álcool gel.  

Outra importante medida de prevenção individual é sempre que tossir ou espirrar, tape o nariz e a boca com um lenço de papel. Deixe na lixeira os lenços de papéis usados. Se estiver com sintomas de gripe, fique em casa, não vá ao trabalho nem à escola. Evite locais com muitas pessoas e também cumprimentar com abraços, beijos ou apertos de mão.

 

banner como se proteger gripe profissionais

Aos profissionais de saúde que trabalham em postos de saúde, UPAs 24h e hospitais, tanto para a proteção deles mesmos como dos pacientes, a Secretaria da Saúde do Estado dá uma série de orientações. O primeiro deles é a higienização das mãos antes e após o contato com os pacientes. Nunca os profissionais de saúde devem esquecer  da necessidade do uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), como o avental e luvas, para evitar contato com sangue e secreções. Fazer o descarte adequado de resíduos é outra orientação aos profissionais de saúde.

Vacinação

A vacina é a forma mais segura de se proteger contra o vírus H1N1. Dos seis óbitos confirmados de gripe A este ano no Estado nenhum havia se vacinado em 2015. Ou seja, não estavam protegidos contra o vírus. A campanha de vacinação contra a gripe, que começou no último dia 30, vai até o próximo dia 20 de maio. Até às 16 horas desta terça-feira (10), 40% dos grupos prioritários para a vacinação no Ceará já haviam se vacinado. Entre os grupos prioritários, que devem ser vacinados estão: crianças de seis meses a menos de cinco anos, gestantes, mulheres com até 45 dias após o parto, idosos a partir de 60 anos, pessoas com doenças crônicas, como diabetes e hipertensão,  trabalhadores da saúde, indígena, adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas, população carcerária e funcionários do sistema prisional.

10.05.2016

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá / Helga Rackel ( selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5221 / 3101.5220)
Twitter: @SaudeCeara
www.facebook.com/SaudeCeara

 

Assinatura coornenadoria matérias