BPRE começa a fiscalizar trânsito em Fortaleza

18 de Maio de 2016

O Batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual (BPRE) iniciou, hoje (18), o trabalho de fiscalização do trânsito em Fortaleza.  Os policiais rodoviários estão atuando em ruas e avenidas da cidade, com o propósito de inibir crimes e aumentar a fiscalização de veículos irregulares. A iniciativa é resultado de um convênio entre Governo do Estado e a Prefeitura Municipal de Fortaleza, publicado no Diário Oficial do Estado, no último dia 25 de abril.

Ao todo, são 40 policiais do BPRE, que se uniram aos 390 agentes da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e 200 guardas municipais, atuando como agentes de trânsito, realizando abordagens, notificando veículos e realizando blitze dentro da Capital. Conforme o Tenente Coronel Paulo Sérgio, comandante do BPRE, o objetivo da nova atuação é reduzir os índices de acidentes e crimes cometidos na cidade.

O oficial explica que os policiais serão direcionados para pontos que apresentam maior registro de ocorrências. “O foco do BPRE são os bairros que registram mais acidentes e têm os maiores índices de criminalidade, seja no trânsito ou não. Os bairros foram escolhidos após um levantamento das estatísticas, mas logo a atuação será ampliada para os demais pontos da cidade”, disse.

O comandante acrescentou que a fiscalização dos motociclistas está entre as principais preocupações do BPRE. “Sabemos que o maior número de acidentados que dão entrada no Instituto Doutor José Frota (IJF) é em decorrência de colisões com motos. Estamos preocupados com esse elevado índice e vamos atuar para tentar reduzir estes casos”, relatou.

Os últimos detalhes da operacionalização do convênio entre o Governo e a Prefeitura foram fechados em reunião na última segunda-feira (16), com a participação da AMC e do BPRE. O coronel Paulo Sérgio lembra que os policiais rodoviários já atuam em parceria com a AMC em Fortaleza desde 2015. “O Batalhão vem atuando em conjunto com a AMC em Fortaleza desde o ano passado. Nós já abordamos mais de 10 mil veículos e apreendemos mais de 1.500 motos nessas operações.”, disse o comandante.

Com o estabelecimento do convênio, espera-se reduzir cada vez mais o número de acidentes fatais na Capital. As ações em parceria com a AMC e Guarda Municipal serão intensificadas e o BPRE terá autonomia para exercer as funções no trânsito de Fortaleza. A fiscalização nas rodovias cearenses não sofrerá nenhuma alteração devido à nova atuação nos bairros da Capital. De acordo com o comandante, as operações nas estradas continuarão sendo realizadas normalmente.

 

18.05.2016

Atenciosamente,
Kélia Jácome,
Coordenadora de Comunicação,
Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS),
Governo do Estado do Ceará,
(85) 3101.6517 e 98766.0028