TJA comemora 106 anos com maratona cultural

16 de junho de 2016

Nesta sexta-feira (17), o Theatro José de Alencar (TJA), equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), comemora 106 anos oferecendo ao público uma programação especial. O destaque do dia é a peça “O Dote”, de Artur Azevedo, com a Comédia Cearense. Trata-se de uma remontagem da primeira peça teatral apresentada no TJA, em 1910, quando da inauguração do Theatro. O espetáculo tem início às 20h, com ingressos a R$30,00 e R$15,00 (meia). Todas as demais atrações da programação especial desta sexta-feira no têm entrada franca, incluindo os shows dos grupos Marimbanda (a mais aplaudida formação da música instrumental cearense), Trio Bossampop e Coral Soul Cantor, que acontecem na calçada do Theatro, a partir de 16h, e atrações em todos os espaços do grande complexo cultural do TJA.

Ampliando a programação gratuita, serão apresentados o espetáculo “Autômato”, de teatro e dança solo, de Orlângelo Leal, às 15h, no saguão do teatro, e o espetáculo de dança “O Armário”, de Jonny Carneiro, às 19h, no Teatro Morro do Ouro, anexo do TJA. Também acontece na Praça Mestre Boca Rica, a partir das 16h, a intervenção artística “Botando Boneco”, com a ocupação de grupos de Teatro de Bonecos no local.  No foyer, às 19h, o Cineclube Morro do Ouro apresenta o documentário “Ramos Cotoco – Pela Porta Detraz”, uma produção da TV Assembléia, com direção de Angela Gurgel.

Quem passar pelo TJA deve conferir ainda a exposição “Espetáculo Junino: imagens, objetos e reflexões sobre as práticas cênicas do São João no Ceará”, de curadoria de Aterlane Martins, na Galeria Ramos Cotoco, com horário de visitação de 9h às 18h. A exposição é gratuita e fica em cartaz até o fim deste mês. Por fim, de 9h às 17h, de hora em hora, o público pode conferir a visita guiada pelo centenário equipamento de referência artística e turística nacional. 

Reencenação de “O Dote”

Como forma de homenagear o aniversário do Theatro José de Alencar, a Comédia Cearense apresenta o espetáculo “O Dote”, primeira peça encenada no palco principal do equipamento cultural inaugurado em 1910. A peça será apresentada às 20h, nesta sexta-feira, com apresentações também no sábado e domingo (18 e 19). Ingressos à venda na bilheteria do TJA, a R$30,00 (inteira) e R$15,00 (meia).

“O Dote” é uma comédia em três atos de Artur Azevedo, que fez grande sucesso em 1907. Conta a história de Ângelo, aborrecido com as constantes despesas de sua mulher, Henriqueta. Ele devolve o dote recebido no casamento e separam-se. Os dois acabam adoecendo de tristeza e Ângelo descobre que Henriqueta está grávida.

O centenário TJA

O Theatro José de Alencar, inaugurado em 1910, desempenha importantes papéis na vida cultural cearense. Na qualidade de teatro-monumento, oferece, além da destaca programação cênica, também a mais ativa e diversificada pauta de atividades culturais e artísticas do Centro de Fortaleza. Com a dinâmica possibilitada pelo Centro de Artes Cênicas do Ceará (CENA) – unidade multifuncional anexa, o Theatro José de Alencar se afirma como espaço aglutinador de pesquisa, formação, produção e difusão artística, se consolida como palco de inclusão social e firma seu compromisso com o futuro.

Curioso exemplar da arquitetura eclética no Brasil, o Theatro José de Alencar, além da sala de espetáculo em estilo “art noveau”, dispõe de auditório de 120 lugares, foyeur, espaço cênico a céu aberto e o prédio anexo, com 2.600 metros quadrados. No grande complexo cultural do TJA estão localizados o Centro de Artes Cênicas (CENA), o Teatro Morro do Ouro, com capacidade para 90 pessoas, a Praça Mestre Pedro Boca Rica, com palco ao ar livre e capacidade para 600 pessoas, a Biblioteca Carlos Câmara, a Galeria Ramos Cotoco, quatro salas de estudos e ensaios, oficinas de cenotécnica, de figurino e de iluminação. O Theatro também abriga a Orquestra de Câmara Eleazar de Carvalho e o Curso Princípios Básicos de Teatro e Circo.

Confira a programação especial desta sexta-feira, 17/6, aniversário de 106 anos do TJA:

Visita Guiada

Horários: 09h, 10h, 11h, 12h, 14h, 15h, 16h e 17h – Gratuito

Exposição: Espetáculo Junino: imagens, objetos e reflexões sobre as práticas cênicas do São João no Ceará. Curadoria: Aterlene Martins.

Galeria Ramos Cotoco – Anexo do TJA

Horário de visitação: 09 às 18hs – Gratuito

Autômato – Um espetáculo solo de Orlângelo Leal

Saguão – 15hs – Gratuito

Marimbanda

Calçada do Trepinha – 16h – Gratuito

“Marimbanda” é o mais aclamado grupo de música instrumental em atividade no Ceará. Tendo conquistado repercussão nacional e realizado elogiadas turnês pelo exterior, a Marimbanda atuou recentemente em importantes Festivais como o Festival Choro e Jazz, o Festival Jazz e Blues em Guaramiranga(CE) e a Plataforma de Circulação de Música e Artes Cênicas do Ceara da Petrobrás. A Marimbanda se apresenta com a seguinte formação: Luizinho Duarte (composições, arranjos, bateria e violão de 7 cordas), Heriberto Porto (flautas), Miqueias dos Santos (contrabaixo) e Thiago Almeida (piano).

Botando Boneco – Ocupação de Teatro de Bonecos

Praça Mestre Boca Rica – Anexo CENA – 16h às 20h – Gratuito

Trio Bossampop

Calçada do Trepinha -17h – Gratuito

O Trio Bossampop iniciou suas atividades no ano 2000. Seu repertório tem como base três gêneros musicais que deram origem ao momo do grupo: bossa nova, samba e MPB. O grupo é formado por Júlio César (vocal), Eveline Marques (percussão) e Rogério Duarte (violão). Para o show do dia 17/6, o grupo fará um passeio pela música brasileira iniciando com os compositores cearenses Fagner, Ednardo e Belchior, seguindo com a bossa de João Donato, Tom Jobim, Roberto Menescal e Ronaldo Bôscoli e chegando à MPB e ao samba de João Bosco, Djavan, Chico Buarque e Dorival Caymmi.

Coral Soul Cantor

Calçada do Trepinha – 18h – Gratuito

O Coral Soul Cantor é um grupo formado por alunos e ex-alunos do Conservatório de Música Alberto Nepomuceno, que realiza um trabalho voltado para os musicais, com a participação instrumental ao vivo. Os coralistas estão nesta empreitada desde 2007, quando estrearam com o musical Os Saltimbancos.

Cineclube Morro do Ouro apresenta o documentário “Ramos Cotoco – Pela Porta Detraz”, uma produção da TV Assembléia – Apresentação Marina Ratis – direção de Angela Gurgel.

Foyer – 19h – Gratuito

O Armário – Espetáculo Dança

Teatro Morro do Ouro -19h – 18 anos

Gratuito

O Armário é um espetáculo que traz a tona alguns elementos que oprimem o universo LGBT’s, forçando-os a ficarem enclausurados nessa prisão subjetiva ou se adequando socialmente para serem aceitos e inclusos. Em meio esse contexto temos a representatividade da revolução social personificado no ser travesti e transexual, que quebra todas as proposições impostas pela hegemonia da heteronormatividade.

O Dote – de Artur Azevedo com a Comédia Cearense

Palco Principal – 20h – Livre

Ingressos: R$ 30,00 e R$ 15,00

“O Dote” é uma comédia de Artur Azevedo que fez imenso sucesso em 1907. Uma comédia em três atos. Sinopse: Ângelo anda muito aborrecido com as constantes despesas de sua mulher, Henriqueta. Devolve o dote recebido no casamento e separam-se. Os dois acabam adoecendo de tristeza e Ângelo descobre que Henriqueta está grávida.

SERVIÇO:

Programação especial de 106 anos do Theatro José de Alencar

Sexta-feira, 17/6, de 9h às 21h
Theatro José de Alencar

Rua Liberato Barroso, 525 – Praça José de Alencar – Centro
Contato: (85) 3101.2596

PRESS-RELEASE – SECRETARIA DA CULTURA DO ESTADO DO CEARÁ

Entrevistas/mais informações:

(85) 98699-6524 – Dalwton Moura

(85) 98824-0994 – Lucas Benedecti

(85) 3101-6761/secultmkt@gmail.com

30.05.2016

Assessoria de Comunicação
Dalwton Moura / 85 98699-6524 / 3101-6761

Assinatura coornenadoria matérias