UVA inicia estudos para a elaboração de Inventário da Flora da Região Noroeste do Ceará

29 de julho de 2016

O Herbário “Prof. Francisco José de Abreu Matos” (HUVA) da Universidade Estadual Vale do Acaraú teve projeto aprovado pelo Programa de Bolsas de Produtividade em Pesquisa, Estímulo à Interiorização e à Inovação Tecnológica (BPI/FUNCAP), da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Governo do Estado (Funcap). O Projeto “Inventário Florístico do Noroeste do Estado do Ceará: diversidade e potencialidades do bioma Caatinga” terá investimentos no valor de R$ 84 mil reais para aquisição de equipamentos e custeio e bolsas de Iniciação científica.

Coordenado pelo Professor Elnatan Bezerra de Souza, curador do HUVA e professor do Curso de Ciências Biológicas da UVA, o projeto envolve nove estudantes da equipe do Herbário, sendo 03 (três) bolsistas do BPI/Funcap e os demais bolsistas do Programa Bolsa Universidade (PBU/UVA) e voluntários.

A pesquisa, iniciada em junho de 2016, realiza estudos sobre a flora de todas as unidades fitoecológicas da Região Noroeste do Estado do Ceará, englobando as áreas de restinga do litoral; matas secas e úmidas (Planalto da Ibiapaba, Serras da Meruoca e de Uruburetama) e a área de caatinga existente na Reserva de Vida Silvestre da Pedra da Andorinha, no Distrito de Taperuaba, no Município de Sobral.

De acordo com o Professor Elnatan Bezerra, o inventário florístico terá, além da descrição científica e catalogação, outras informações importantes sobre as espécies. “Os estudos sobre a flora dessa região incluem, ainda, a avaliação dos potenciais fitoquímico, bioindicador, ornamental e madeireiro, por exemplo, o que reforça o quanto o bioma Caatinga é importante e necessita de estudos”, explica o Professor Elnatan.

HUVA

O Herbário da UVA é vinculado à Rede de Herbários do Semiárido do Nordeste e, desde 2007, integra o Catálogo Internacional do Jardim Botânico de Nova York (EUA), que reúne dados de herbários de todo o mundo. Atualmente, possui uma coleção de mais de 20 mil amostras, em sua maioria do semiárido brasileiro. Por meio do Herbário, a UVA participa do Programa de Pesquisa em Biodiversidade (PPBio-Semiárido) do Ministério do Meio Ambiente.

O HUVA está localizado no campus da Betânia e é aberto a visitas guiadas, podendo ser agendadas na Coordenadoria do Curso de Ciências Biológicas, pelo telefone (88)3611-6343.

BPI/Funcap

O Programa de Bolsas de Produtividade em Pesquisa, Estímulo à Interiorização e à Inovação Tecnológica (BPI/FUNCAP) tem como objetivo “promover a atração e a fixação de pesquisadores doutores, com boa produtividade científica em desenvolvimento tecnológico e inovação, para atuação em Instituições de Ensino Superior e/ou Pesquisas localizadas em municípios do interior do Ceará, visando prover o Estado do desenvolvimento de pesquisa científica, tecnológica e de inovação de modo a contribuir para o seu desenvolvimento social e econômico”. A duração da bolsa de Produtividade em Pesquisa e Estímulo à Interiorização é de 24 meses.

 

29.07.2016

Fábio Melo (CE 01806 JP)
Assessoria de Comunicação e Marketing Institucional (ACMI)
Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA)
comunicacao@uvanet.br | 88 3677-4271

Expediente coordenadoria-01