Vila da Música começa a receber os instrumentos musicais

27 de setembro de 2016

A Vila da Música, no município do Crato, está começando a receber os seus primeiros instrumentos musicais. Na última semana, um piano de cauda, com capacidade e alcance para grandes apresentações, chegou ao local e até meados de outubro outros 271 instrumentos serão entregues. Entre os equipamentos estão violinos, violoncelos, flautas, saxofone, contrabaixos e clarinetes, por exemplo. O investimento é de R$ 426.614,17.

Em novembro deste ano, será realizada mais 27 novas aquisições, com um investimento de R$ 83.417,02. Por meio de licitação, instrumentos, como acordeons e pianos digitais, também passarão a compor o acervo da Vila da Música.

Ao todo, estão sendo investidos mais de R$ 500.000,00, o que tornará a Vila da Música referência em ensino de música, bem como um local com capacidade de realizar grandes eventos musicais, como concertos, festivais e apresentações.

A Vila da Música

O prédio da Vila da Música, executado pela Secretaria das Cidades, possui uma área de 3.300 m² e investimento na ordem de R$ 3.179.731,52 por meio do Banco Mundial (BIRD). O local é composto por auditório, biblioteca, salas de aula para grupos individuais, estúdio, setor administrativo, refeitório, cozinha, despensa, vestiários, banheiros, laboratório de informática, quadra poliesportiva, estacionamento, pátio, além da oficina luthieria, utilizada para conserto de instrumentos.

O espaço irá abrigar uma escola de formação musical que tem como objetivo proporcionar o desenvolvimento sociocultural e educacional dos estudantes e do público em geral através da música. A Vila da Música abrigará a Sociedade Lírica do Belmonte (Solibel), entidade que ensina música clássica e popular para filhos de agricultores locais.

A gestão do equipamento público será feita pelo Governo do Ceará, através da Secult (Secretaria de Cultura do Estado do Ceará), que detém a expertise necessária para desempenhar a função. Durante os últimos meses, Secult e SCidades têm trabalhado junto à comunidade do Belmonte no sentido de desenhar uma gestão que retrate os anseios da população local, juntamente com o corpo docente e administrativo da Solibel, diretamente envolvido em todo o processo de construção e idealização da Escola. A ideia é que a Vila da Música, que tem origem numa iniciativa liderada pelo Padre Ágio Augusto Moreira em 1973, continue a transcender o ensino música e continue visando a transformação humana através da inclusão cultural.

A expectativa é de que até o final deste ano a Secretaria das Cidades entregue para a comunidade de Belmonte uma Vila da Música totalmente estruturada, com novas instalações, mobiliário e instrumentos musicais para pleno funcionamento.

27.09.2016

Assessoria de Comunicação da Secretaria das Cidades
Sabrina Lemos – (85) 3207.5249 ou 98603.0556  ( sabrina.lemos@cidades.ce.gov.br )