Perguntas mais frequentes

10 de novembro de 2016

Perguntas mais frequentes

Ouvidoria Gabinete do Governador

Pedidos de agilização de processo

As demandas chegam através da Célula de Gestão Documental do Gabinete do Governador e obedecem trâmites administrativos durante o despacho. A Assessoria Jurídica faz os encaminhamentos necessários e os coloca em ordem para a assinatura pelo Governador. Em seguida, o documento é publicado no Diário Oficial do Estado.

Pedidos de emprego

O Gabinete do Governador esclarece, a propósito, que o Governo do Estado é impedido, legalmente, de oferecer emprego aos cidadãos, sem as necessárias formalidades. Os cargos, no serviço público, só podem ser preenchidos através de concurso. Assim, resta-nos desejar sucesso na busca por uma boa colocação no mercado de trabalho.

Pedidos de bolsa para estudo ou ajuda de custo

Com relação a ajudas individuais, o Gabinete do Governador informa que, em nenhuma circunstância, em um governo que se pauta pela ética, verbas públicas podem beneficiar cidadãos isoladamente. Uma vez que mantém três Universidades públicas e gratuitas – UECE, UVA E URCA – o Governo do Estado não mantém programas de bolsas.

Audiência com o Governador

Dado o acúmulo de compromissos oficiais do Sr. Governador faz-se necessário agendamento prévio e análise do conteúdo a ser apresentado durante o encontro. Caso seja favorável, a Ouvidoria ou assessoria especial do Governador entra em contato com o cidadão. Vale ressaltar que a aproximação com o cidadão é do interesse do Governador Camilo Santana. O que ele pretende é um Governo perto das pessoas, que dialoga, escuta e atende com qualidade à população. Saber ouvir é saber fazer.

Apresentação de Projetos ao Governador

Através do Sistema de Ouvidoria do Gabinete do Governador, o projeto deverá ser anexado para análise e levantamento prévio dos dados. Em seguida, é encaminhado à Secretária responsável.