Mais Paic: metodologia de cooperação com os municípios é adotada pelo Amapá

31 de maio de 2017 # #

O Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Educação (Seduc), firmou termo de cooperação com o Estado do Amapá, nesta quarta-feira (31), para promover a experiência do Programa de Aprendizagem na Idade Certa (Mais Paic) naquela unidade federativa. Com a assinatura do acordo, a Seduc participará da elaboração de diretrizes que auxiliem na colaboração entre o Governo do Amapá e seus municípios. Este é o terceiro convênio estabelecido com outros Estados para levar a experiência do Mais Paic. Espírito Santo e Maranhão também já efetivaram a parceria. O secretário Idilvan Alencar esteve em Macapá-AP para efetivar o compromisso com o governador Waldez Góes.

Mantendo a essência do Mais Paic, a ação se chamará Programa de Aprendizagem no Amapá, e beneficiará mais de 15 mil estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental matriculados nas redes estadual e municipal.

Na solenidade de assinatura do pacto, Idilvan Alencar apresentou os resultados do programa cearense e acredita que o Amapá tenha condições de alcançar o mesmo sucesso. “Assim como aconteceu no Ceará, é possível que o Amapá alcance melhores colocações no ranking da educação nacional”, aposta.

Para o governador Waldez Góes, o Programa de Aprendizagem no Amapá é um importante passo para a transformação da educação. “Estamos desafiados a mudar a realidade em que vivemos com o compromisso do desenvolvimento humano, investindo em formação e qualificação que eleve a qualidade da educação no Estado”, ressalta.

Goreth Sousa, secretária da Educação do Amapá, defende que é preciso enfrentar os desafios e melhorar os índices da educação com investimento nas séries iniciais. “Quanto maior o investimento nas séries iniciais, mais bem preparados os alunos chegarão ao ensino médio. Com isso, melhoramos a qualidade de vida do estudante, oferecendo uma nova dinâmica para que as escolas se fortaleçam e tragam resultados positivos”, destaca. A expectativa é que o programa seja desenvolvido a partir do segundo semestre deste ano nos municípios que fizerem a adesão.

A solenidade da assinatura do Termo de Cooperação Técnica entre o Governo do Amapá e Ceará, no Palácio do Setentrião, contou ainda com a presença de prefeitos de municípios amapaenses, secretários municipais de educação, representantes do Legislativo Estadual, e demais classes representativas da educação, bem como gestores escolares, pedagogos e professores.

Programa

Em 2007, o Programa Alfabetização na Idade Certa (Paic) iniciou suas atividades com a meta de garantir a alfabetização dos alunos matriculados no 2º ano do Ensino Fundamental da rede pública cearense. A partir de 2011, para expandir essas ações ao 3º, 4º e 5º anos, foi lançado o Programa Aprendizagem na Idade Certa (Paic +5). Em dezembro de 2015, o governador Camilo Santana lançou o Mais Paic – Programa de Aprendizagem na Idade Certa, que além da Educação Infantil e do 1º ao 5° ano, passou a atender também do 6° o 9° ano nas escolas públicas cearenses.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado da Educação (Seed) do Amapá.

Assessoria de Comunicação da Seduc
imprensa@seduc.ce.gov.br