PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Fórum apresenta proposta do Diagnóstico de Integridade das Estatais

26 de agosto de 2021 - 16:50 # # # #

Ascom CGE

A Integridade nas estatais compõe uma das etapas de implementação do Plano de Integridade do Poder Executivo Estadual

A Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE) promoveu, na tarde desta quinta-feira (25), a 48ª edição do Fórum Permanente de Controle Interno. O evento que trouxe como tema a “Construção do Diagnóstico de Integridade das Estatais”, um dos processos de implementação do Programa de Integridade do Poder Executivo Estadual na Empresas Estatais do Estado.

O secretário de Estado Chefe da CGE, Aloísio Carvalho, destacou a importância do Programa. “Desde a minha primeira passagem na CGE em 2007, o Fórum já abordava a integridade como tema. Agora nessa gestão, estamos fortalecendo cada vez mais a integridade, por meio do Programa de Integridade no Poder Executivo Estadual. Já iniciamos a implementação em alguns órgãos, e agora estamos contemplando também as estatais”, ressaltou.

O Fórum contou com a participação do secretário executivo de Modernização e Inovação para a Pós-Pandemia da Casa Civil, Célio Fernando, do presidente da Empresa de Tecnologia da Informação do Ceará (Etice), Lassance de Castro, do presidente da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce), Antonio Rodrigues de Amorim, além de técnicos das estatais que atuam nas áreas de controle interno, administrativa, financeira e jurídica.

Atividades

Iniciando as atividades do evento, a coordenadora de Gestão de Riscos, Controles Internos e Processos na Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), Gislene Ellery, apresentou a experiência de governança na estatal.

Em seguida, o coordenador de Controladoria da CGE, Marcelo Monteiro, expôs a proposta do Diagnóstico de Integridade das Estatais. O documento, construído pela equipe da Célula de Harmonização e Orientação da CGE, busca aferir o nível de integridade das empresas estatais do Poder Executivo do Estado do Ceará, contemplando as dimensões previstas na Lei Federal nº 13.303/2016 e no questionário de avaliação do controle interno aplicado pelo Tribunal de Contas do Estado do Ceará.

Atualmente, a CGE comanda a implementação do Programa de Integridade do Poder Executivo Estadual em 11 órgãos públicos do Estado.