PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Novo Complexo Social Mais Infância oferece esporte, cultura e qualificação profissional para moradores de Fortaleza

5 de novembro de 2021 - 13:28 # # # # # # # # # #

Larissa Falcão - Ascom Casa Civil - Texto
Ariel Gomes e Helene Santos - Fotos

Localizado no bairro Cristo Redentor, o equipamento também beneficia a comunidade dos bairros vizinhos. As inscrições para oficinas e cursos iniciam na próxima segunda-feira (8)

Um espaço de oportunidades e lazer para famílias como a da dona de casa Roberta Almeida, 24, que reside no bairro Cristo Redentor, em Fortaleza. Assim é o Complexo Social Mais Infância Padre Gaetan Minette Tillesse (padre Caetano), o segundo equipamento do tipo entregue pelo Governo do Ceará para promover transformação social. “Pelo que eu vi aqui a gente vai poder se profissionalizar. Já é uma oportunidade de renda. É muito bom também para as crianças”, avaliou Roberta, que é mãe de três crianças.

O Complexo Social do Cristo Redentor foi inaugurado, nesta sexta-feira (5), pelo governador Camilo Santana e a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana, acompanhados da vice-governadora Izolda Cela; do prefeito de Fortaleza, José Sarto; da secretária da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS), Socorro França; e demais autoridades.

Assim como o primeiro Complexo Social, que foi entregue aos moradores do bairro João XXIII, também na Capital, em outubro deste ano, a nova unidade está pronta para receber mensalmente cerca de 800 pessoas de todas as idades moradoras da região conhecida como o grande Pirambu. O equipamento teve investimento de mais de R$ 4,6 milhões do Estado, e será gerido pela SPS.

O governador destacou a importância da parceria Juntos por Fortaleza para o desenvolvimento de iniciativas importantes para as comunidades em vulnerabilidade social. “Esse é o segundo em Fortaleza, e já está sendo iniciado o terceiro no Curió. A ideia é que a gente possa ampliar esses espaços em parceria com a Prefeitura de Fortaleza. [O Programa Mais Infância Ceará] É uma política de acolhimento e olhar para o futuro do Ceará. Olhar para as crianças significa olhar para o futuro do nosso estado. Estamos aqui no Juntos por Fortaleza, que é uma parceria do Governo do Ceará com o município, e com esse programa liderado pela primeira-dama”, afirmou Camilo Santana.

Para acolher todas as crianças e suas famílias, o espaço conta com atendimento individual, biblioteca, capacitação gratuita em gastronomia, informática, robótica, expressão corporal, música, horta e teatro, além de brinquedopraça, academia ao ar livre e campinho.

A primeira-dama Onelia Santana, idealizadora do Mais Infância Ceará, comentou sobre como o Complexo Padre Gaetan Minette Tillesse foi pensando para ser acessível e promover cuidado integral e integrado às crianças e suas famílias. “A ideia é abraçar a criança e a sua família. Com a criança vem o pai, o irmão, os avós. A gente quer abraçar toda as famílias do Cristo Redentor e dos bairros vizinhos. Nós temos cursos de robótica e para crianças autistas. É isso que a gente precisa, um Ceará de oportunidades e inclusão”.

As oficinas são contínuas e os cursos ofertados em ciclos de aproximadamente três meses de duração. Podem participar das oficinas as crianças a partir de seis anos. As inscrições para as atividades começam na próxima segunda-feira (8), de forma presencial, no próprio Complexo.

Já as crianças menores podem brincar e aprender em espaços como a brinquedopraça e a biblioteca.

Izolda Cela também citou o esforço coletivo para atender a população que mais precisa. “O Mais Infância Ceará colocou as crianças mais novinhas no foco de atenção e compromisso do governo. Esse trabalho que é feito hoje presta um serviço para essas crianças que são sujeitos de direito e para suas mães e famílias. Coisa boa é a gente enquanto mãe saber que nossos filhos estão sendo bem cuidados, ter a oportunidade de dar atenção para as crianças, mas que também vai servir para o nosso futuro, para nós termos uma sociedade melhor”.

Na oportunidade, José Sarto destacou o trabalho do padre Caetano, um monge belga que se mudou para o bairro Cristo Redentor em 1963, e desenvolveu diversos projetos sociais na comunidade até o seu falecimento, em 2010. O padre Caetano fundou a Comunidade Infantil Cristo Redentor, amparando crianças abandonadas e adotando algumas com seu sobrenome, além do 13º Grupo de Escoteiros do Ceará.

“Eu quero agradecer de coração por trazer para cá esse equipamento que certamente vai mudar a vida de muitas famílias. Ora, se a minha mudou, eu que era escoteiro. Eu aprendi aqui as primeiras lições de cidadania, cristianismo e humanismo”, relatou José Sarto.

Os olhos da líder comunitária Luzia Terto expressaram emoção ao ver o Complexo ser implantado onde era sediada a creche fundada pelo padre Caetano. Para ela, o espaço valoriza a história do Pirambu e os moradores que amam esse território. “Para comunidade foi um presente muito grande. A gente se sente muito feliz por isso e pela homenagem ao padre Caetano. Estamos muito gratos. Esse equipamento vem para resgatar os adolescentes e os pais, porque aqui vamos ter oportunidades para os adultos. É uma grande riqueza”, agradeceu Luiza, que pretende se inscrever no curso de gastronomia.

 

Ouça

O governador destacou a importância da parceria Juntos por Fortaleza para o desenvolvimento de iniciativas importantes para as comunidades em vulnerabilidade social.

A primeira-dama Onelia Santana, idealizadora do Mais Infância Ceará, comentou sobre como o Complexo Padre Gaetan Minette Tillesse foi pensando para ser acessível e promover cuidado integral e integrado às crianças e suas famílias.

O prefeito de Fortaleza, José Sarto, agradeceu a parceria com o Governo do Ceará para viabilizar ações para o desenvolvimento infantil.