PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Corpo de Bombeiros salva vítimas de afogamentos e realiza 1.065 ações de prevenção

4 de abril de 2022 - 12:25 # # # # # #

Ascom CMBCE e SSPDS - Texto e Fotos

A população, que optou pelas praias como opção de lazer no fim de semana, teve o apoio do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) para evitar possíveis situações de afogamentos. Da última sexta-feira (01) até o domingo (03), equipes de bombeiros militares atuaram nos salvamentos de duas pessoas vítimas de afogamentos e realizou 1.065 prevenção de afogamentos nas praias do Estado. As ações contaram com o apoio de guarda-vidas em praias da Capital e da Região Metropolitana.

Durante o domingo, os bombeiros militares salvaram duas pessoas vítimas de afogamento nas praias da Barra do Ceará e na Praia do Futuro, nas Áreas Integradas de Segurança 8 e 10 (AIS 8 e 10) de Fortaleza, respectivamente. O primeiro resgate ocorreu durante a manhã, na Barra do Ceará, onde equipes do Posto Guarda-Vidas (PGV) atuaram em um resgate de um banhista fortalezense de 50 anos de idade. O homem foi salvo ainda no grau um de afogamento, quando a vítima ingeriu água e tosse bastante.

O segundo resgate ocorreu no final da tarde nas proximidades da Praia do Futuro, onde as equipes do Posto Guarda-Vidas 02 (PGV 02) atuaram no resgate de uma criança de dez anos de idade. A vítima foi salva no grau de resgate, onde sequer ingeriu água, em razão da agilidade e do pronto atendimento dos profissionais de segurança.

Balanço do fim de semana

Entre a sexta-feira (01) e o domingo (03), foram realizadas 552 ações de prevenção de afogamentos na Praia do Futuro. Já em Caucaia (AIS 11), foram realizadas, no mesmo período, 239 prevenções, mas sem nenhum registro de afogamento. Assim como em Aracati, onde foram realizadas 89 prevenções, e em Jijoca de Jericoacoara, onde foram realizadas 185 prevenções e nenhum registro de afogamento.

As equipes de guarda-vidas realizaram, durante todo o fim de semana, 1.065 prevenções no litoral cearense. A prevenção é uma intervenção importante e pode evitar cerca de 85% dos casos de afogamento.

De acordo com o major Chailon Fonteles, o Batalhão de Busca e Salvamento promoveu 48 guarda-vidas em 19 postos, com objetivo de proteger os banhistas nas praias do Estado. “O BBS viabilizou para essas ações 48 guarda-vidas em 19 postos, além de seis quadriciclos, cinco viaturas 4×4 e três motos aquáticas, além do apoio de duas ambulâncias do tipo resgate do Batalhão de Socorro de Urgência (BSU)”, explicou o comandante da 1ª Companhia de Salvamento Marítimo (1ªCSMar) do BBS do CBMCE.