PortugueseEnglishSpanish
PortugueseEnglishSpanish

Cerimônia marca posse do Comitê Deliberativo do PReVio em Fortaleza

20 de outubro de 2022 - 17:38 # # # #

Ascom Assessoria Especial da Governadoria Texto
Thiago Gaspar Foto

O Comitê Deliberativo de Fortaleza para o Programa Integrado de Prevenção e Redução da Violência (PReVio) tomou posse, nesta quinta-feira (20), no auditório da sede da Assessoria Especial da Governadoria, na Capital. O evento contou com a presença da assessora especial da Governadoria, Carla da Escóssia; do prefeito de Fortaleza em exercício, Élcio Batista; além de representantes do Tribunal de Justiça do Ceará, Defensoria Pública, Ministério Público, Secretaria da Administração do Penitenciária do Ceará, Polícia Militar, Polícia Civil, Perícia Forense e secretários municipais.

Carla da Escóssia lembrou que o PReVio terá um olhar especial para áreas vulneráveis dos municípios abraçados pelo Programa. “Trabalhamos com a perspectiva de redução dos índices de violência, sempre com ações de prevenção. Nosso objetivo é alcançar justamente os territórios que apresentem esses indicativos. Sabemos que a violência está presente em certos pontos da cidade, justamente onde não há forte presença de políticas públicas. Iremos trabalhar para reduzir essas vulnerabilidades”, pontuou.

Élcio Batista ressaltou a importância da união de órgãos que visam reforçar uma cultura de paz em Fortaleza. “A presença de atores do Governo do Estado dentro do Comitê Deliberativo reforça o Pacto por um Ceará Pacífico. Que a partir disso possamos dar continuidade a esse movimento em defesa da vida, algo necessário que devemos seguir promovendo”, disse.

No evento, foi apresentada a implementação oficial do modelo de governança do Pacto por um Ceará Pacífico e demais ações do PReVio em Fortaleza, assim como as responsabilidades do Pacto enquanto política pública de prevenção social à violência. Na cerimônia também foram anunciadas as próximas agendas do Comitê na Capital.

Aporte financeiro

O PReVio tem a finalidade de pensar sobre ações de segurança social, na perspectiva de criação de políticas sociais, com o objetivo de reduzir vulnerabilidades e prevenir situações de violência contra grupos minorizados como mulheres, pessoas LGBTQIA+, crianças, adolescentes, jovens e gestantes, além de egressos do sistema socioeducativos. Além de Fortaleza, o Programa irá atuar também em Caucaia, Crato, Iguatu, Itapipoca, Juazeiro do Norte, Maracanaú, Maranguape, Quixadá e Sobral.

O Programa tem crédito aprovado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) no valor de US$ 65 milhões. O contrato de financiamento foi assinado no dia 30 de dezembro de 2021, com vigência de cinco anos (2022 – 2026).