PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Supesp participa de I Encontro Nacional de Gestores de Estatística de Segurança Pública

10 de dezembro de 2021 - 13:02 # # # # #

Ascom SSPDS

Promovido pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública encerra nesta sexta-feira (10), o I Encontro Nacional de Gestores de Estatísticas de Segurança Pública. A ação, organizada pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), tem como objetivo reforçar a importância da produção e compartilhamento de dados como forma de combate e prevenção de crimes.

Participaram da jornada que teve início na última quarta-feira (8), na cidade de Florianópolis (SC), o superintendente da Supesp, Helano Matos e o gerente de Estatística e Geoprocessamento (Geesp/Supesp), Franklin Torres. O I Encontro faz parte da quarta etapa da Jornada Nacional de Segurança Pública e Defesa Social do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP). Nesta fase, profissionais de todo o país participam do evento.

De acordo com o superintendente da Supesp, Helano Matos, a troca de conhecimento tem sido um fator importante durante toda a jornada, que começou na última quarta-feira. “Discutimos o paradigma da segurança pública baseado em evidências, a situação no Brasil e no mundo, os dados nacionais de segurança pública, a integração de indicadores, tudo isso com palestrantes de renome nacional e internacional”, destacou Helano Matos. Entre os temas apresentados estão A Experiência Mexicana com Sistemas Integrados de Produção e Análise de Dados de Segurança Pública e Estratégias de Policiamento Proativo e o Papel dos Analistas Criminais.

Na abertura do evento, o secretário Nacional de Segurança Pública adjunto, Juruébi de Oliveira Júnior, destacou que a iniciativa tem o intuito, ainda, de estreitar as relações com as forças de segurança pública e a sociedade como um todo. “A gestão de dados e a produção de conhecimento entraram em nossa pauta da Jornada, pois, sem uma boa coleta e tratamento dos números, não há como se falar, nem tampouco fazer, gestão qualificada a que tanto nós almejamos e a que tanto a nossa sociedade brasileira merece. Tais conhecimentos são fontes para subsidiar, de forma contundente, a gestão, a formulação, a implementação e a execução, o monitoramento e a avaliação das políticas criadas para a segurança pública do país”, afirmou Juruébi.

Integração

A Supesp, que desde julho é membro do seleto grupo de entidades que compõem a Interpol Global Knowledge Hub ou o Centro de Conhecimento Global da Interpol – Organização Internacional de Polícia Criminal, vem participando de vários debates e interagindo com instituições de pesquisa e tecnologia aplicadas à segurança, visando aprimorar os processos e sistemas desenvolvidas que são usados pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS-CE).