PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Inaugurado onde funcionou antigo IPPOO, Parque Dom Aloísio Lorscheider representa liberdade e lazer para fortalezenses

27 de março de 2022 - 14:22 # # # # # #

Larissa Falcão - Ascom Casa Civil - Texto
José Wagner, Tiago Stille e Carlos Gibaja - Fotos

Novo parque recebeu investimento de R$ 9 milhões do Estado

A liberdade de viver a cidade ganhou o som dos risos das crianças que conheceram, neste domingo (27), o Parque Dom Aloísio Lorscheider, no bairro Itaperi. A nova área de lazer e esportes de Fortaleza, construída onde funcionou o antigo IPPOO foi entregue nesta manhã pelo Governo do Ceará às famílias que residem no bairro e nas comunidades vizinhas.

A manhã de brincadeiras ficou por conta de pequenos como José Miquéias, filho do prestador de serviços José Renato. Emocionado, o pai falou da alegria que é trazer a família para conhecer a transformação de um lugar que antes representava tristeza. “Eu, que sou nascido e criado na região, estava comentando com minha esposa [Aline Oliveira] o que era isso aqui. A gente fica maravilhado mesmo. Essa mudança marca um avanço para a cidade e para nós que já temos filhos”, celebrou.

Estiveram presentes na inauguração o governador Camilo Santana; a vice-governadora Izolda Cela; a secretária da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos, Socorro França; o secretário de Esporte e Juventude do Ceará, Rogério Pinheiro; o secretário-Chefe da Casa Civil, Chagas Vieira; o superintendente de Obras Públicas, Quintino Vieira; o presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, Evandro Leitão; o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Antônio Henrique; e outras autoridades.

Mais lazer e bem-estar

Com investimento de R$ 9 milhões, a requalificação da área onde funcionou o Instituto Penal Professor Olavo Oliveira I (IPPOO I), que já foi o maior presídio do Estado, transformou o cenário que os fortalezenses costumavam ver no local. Cores e equipamentos para a convivência comunitária deram fim à lembrança do concreto frio e das grades que por muito tempo marcaram ali como um lugar de solidão.

O projeto urbanístico é pioneiro no Ceará. “Esse parque nasceu dentro da parceria Juntos por Fortaleza [entre Estado e Prefeitura Municipal]. É muito simbólico hoje entregar aqui, onde era um presídio, depois foi desativado, um novo parque leva o nome de Dom Aloísio Lorscheider, que eu tenho certeza que lá do Céu está feliz e nos abençoando”, enfatizou governador Camilo Santana, mostrando que do parque a população pode contemplar o avanço das obras do Hospital Universitário do Ceará, equipamento do Estado também localizado na região.

Com 27 mil m², o novo espaço conta com Areninha, brinquedopraça, academia ao ar livre, rampa de skate, quadras poliesportivas, incluindo quadra de areia para praticas de esportes como beach tennis, além de anfiteatro, quiosques e biblioteca. As obras foram conduzidas pela Superintendência de Obras Públicas (SOP) e agora o equipamento será gerido pela Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS).

A vice-governadora Izolda Cela destacou as infinitas possibilidades de esporte, lazer e convivência para a comunidade. “Caíram as muralhas para se transformar em um lindo parque. Um espaço de lazer e esporte para crianças, jovens, adultos e idosos. Um espaço de convivência que é exemplo do que nós desejamos para cidades: ambiente cordial, que atrai as pessoas para as boas práticas. Eu considero uma das obras mais especiais entregues à população”.

O local, que no passado recebia mães que aguardavam o fim de semana para ver seus filhos em detenção, agora dá oportunidades de lazer e renda para moradoras como a cozinheira Maria do Livramento, que montou uma barraca de lanches ao lado do espaço. “Para mim, além de trazer minhas crianças para o lazer, tem também as vendas. Vou continuar e, futuramente, vou ter um carrinho de lanches”, projetou.

O casal formado por Francisco Leite e Cláudia Barbosa Leite também aproveitou a manhã de domingo para passear no complexo e conhecer equipamentos como Areninha e academia ao ar livre. Cláudia reforça que a área inicia uma nova página marcada pela cidadania e mais segurança. “Está muito bom. Nosso bairro está evoluindo”, registrou.

Socorro França, que trabalhou no IPPOO I quando era promotora de Justiça, também falou da simbologia desse momento. “Nós estamos diante de um parque que tem tudo para melhorar a vida das pessoas. Hoje está tudo aberto, acolhendo juventude e infância para transformar vidas. Quando levamos esporte salvamos a juventude”, ressaltou a titular da SPS.

Dom Aloísio

O Parque homenageia o religioso gaúcho dom Aloísio Lorscheider, que foi arcebispo de Fortaleza de 1973 a 1995. Depois, dom Aloísio foi transferido para Aparecida, em São Paulo, tornando-se posteriormente arcebispo emérito. Dom Aloísio faleceu em 23 de dezembro de 2007. No Ceará, a trajetória do arcebispo foi marcada pelo trabalho social e defesa da igualdade, com especial atenção à população privada de liberdade.