Organograma Estadual

Localização geográfica privilegiada em relação ao resto do mundo, pela proximidade com os grandes mercados
mundiais: Europa, América do Norte e Ásia. Fortaleza é não apenas a capital político-administrativa do Estado, mas
também destacado centro regional de comércio e serviços. A sua região de influência, segundo o IBGE, compreende.

PC

Superintendência da Polícia Civil

Download
  1. DIREÇÃO SUPERIOR
    1. DELEGADO GERAL DA POLÍCIA CIVIL
    2. DELEGADO GERAL ADJUNTO DA POLÍCIA CIVIL
  2. ÓRGÃOS DE ASSESSORAMENTO
    1. GABINETE DO DELEGADO SUPERINTENDENTE
    2. ASSESSORIA JURÍDICA
    3. ASSESSORIA DE PLANEJAMENTO E COORDENAÇÃO
  3. ÓRGÃOS DE EXECUÇÃO PROGRAMÁTICA
    1. DEPARTAMENTO DE INTELIGÊNCIA POLICIAL
    2. DIVISÃO DE INTELIGÊNCIA
    3. SEÇÃO DE CONTROLE DE HOTÉIS E CONGÊNERES
    4. SEÇÃO DE CONTROLE DE ANÁLISE E INFORMAÇÃO
    5. DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA MÉDICA E PSICOSSOCIAL
    6. DIVISÃO DE ASSISTÊNCIA MÉDICA
    7. DIVISÃO DE ASSISTÊNCIA PSICOSSOCIAL
    8. DEPARTAMENTO TÉCNICO OPERACIONAL
    9. DIVISÃO DE PLANEJAMENTO E OPERAÇÕES POLICIAIS
    10. DIVISÃO DE COMUNICAÇÃO POLICIAL
    11. UNIDADE DE MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE COMUNICAÇÃO
    12. UNIDADE DE APOIO LOGÍSTICO
    13. DEPARTAMENTO DE POLICIA ESPECIALIZADA
    14. UNIDADE DE PLANEJAMENTO COORDENAÇÃO E CONTROLE
    15. DELEGACIAS ESPECIALIZADAS (16)
    16. SEÇÕES DE INVESTIGAÇÃO E OPERAÇÃO (16)
    17. CARTÓRIOS (16)
    18. DELEGACIA DE PROTEÇÃO AO TURISTA
    19. SEÇÃO DE ATENDIMENTO
    20. SEÇÃO DE INVESTIGAÇÃO E OPERAÇÃO.
    21. CARTÓRIO.
    22. DIVISÃO ANTI-SEQÜESTRO
    23. UNIDADE DE POLÍCIA JUDICIÁRIA
    24. SEÇÃO DE EXPEDIENTE CARTORÁRIO
    25. SEÇÃO DE INVESTIGAÇÃO E OPERAÇÃO
    26. SEÇÃO DE INTELIGÊNCIA
    27. SEÇÃO DE APOIO TÉCNICO E PERICIAL
    28. UNIDADE TÁTICO OPERACIONAL
    29. SEÇÃO DE OPERAÇÕES
    30. SEÇÃO DE LOGÍSTICA
    31. DELEGACIA DE ROUBOS E FURTOS DE VEÍCULOS E CARGAS
    32. UNIDADE DE ROUBOS E FURTOS DE VEÍCULOS
    33. UNIDADE DE ROUBOS E FURTOS DE CARGAS
    34. SEÇÃO DE NADA CONSTA
    35. SEÇÃO DE VISTORIA
    36. SEÇÃO DE INVESTIGAÇÃO E OPERAÇÃO
    37. CARTÓRIO
    38. DELEGACIA DE NARCÓTICOS
    39. UNIDADE DE PREVENÇÃO
    40. UNIDADE DE REPRESSÃO
    41. SEÇÃO DE INVESTIGAÇÃO
    42. CARTORIO
    43. UNIDADE DE PLANEJAMENTO, COORDENAÇÃO E CONTROLE
    44. DIVISÃO DE PROTEÇÃO AO ESTUDANTE
    45. DEPARTAMENTO DE POLÍCIA METROPOLITANA
    46. DELEGACIAS DOS DISTRITOS POLICIAIS (35)
    47. SEÇÕES DE INVESTIGAÇÃO E OPERAÇÃO (35)
    48. CARTÓRIOS (35)
    49. DELEGACIAS METROPOLITANAS (8)
    50. SEÇÕES DE INVESTIGAÇÃO E OPERAÇÃO (8)
    51. CARTÓRIOS (8)
    52. DEPARTAMENTO DE POLÍCIA DO INTERIOR
    53. DELEGACIAS REGIONAIS (19)
    54. DELEGACIAS MUNICIPAIS (45)
    55. SEÇÕES DE INVESTIGAÇÃO E OPERAÇÃO (45)
    56. CARTÓRIOS (45)
  4. ÓRGÃOS DE EXECUÇÃO INSTRUMENTAL
    1. DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS
    2. DIVISÃO DE PESSOAL
    3. UNIDADE DE PROVIMENTO, LOTAÇÃO E MOVIMENTAÇÃO DE PESSOAL
    4. UNIDADE DE CONCESSÃO DE DIREITOS E VANTAGENS
    5. UNIDADE DE CONTROLE DE PAGAMENTO E BENEFÍCIOS
    6. UNIDADE DE REGISTROS FUNCIONAIS
    7. DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA
    8. UNIDADE DE PRODUÇÃO
    9. UNIDADE DE DESENVOLVIMENTO
    10. DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO-FINANCEIRO
    11. DIVISÃO FINANCEIRA
    12. SEÇÃO DE CONTABILIDADE
    13. DIVISÃO DE MATERIAL E PATRIMÔNIO
    14. SEÇÃO DE COMPRAS
    15. ALMOXARIFADO
    16. DIVISÃO DE TRANSPORTES
    17. SEÇÃO DE MANUTENÇÃO DE VEÍCULOS
    18. DIVISÃO DE SERVIÇOS GERAIS
    19. SEÇÃO DE ATIVIDADES AUXILIARES

Competências

À Superintendência da Polícia Civil, vinculada operacionalmente à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, compete exercer as funções:

de polícia judiciária e administrativa, procedendo a apuração das infrações penais, exceto as militares, realizando as investigações necessárias, por iniciativa própria ou mediante requisições emanadas pelo Ministério Público ou de autoridades judiciárias;

assegurar a proteção e promoção do bem estar da coletividade e dos direitos, garantias e liberdades do cidadão;

exercer atividades de estímulo e respeito à cidadania, através de ações de natureza preventiva e educacional;

fiscalizar as atividades de fabrico, comércio, transporte e uso de armas, munições, combustíveis, inflamáveis, e outros produtos controlados e, no que couber, de minérios e minerais nucleares e seus derivados;

praticar atos investigatórios e realizar procedimentos atinentes à polícia judiciária estadual;

proteger pessoas e patrimônios, reprimindo a criminalidade;
prestar colaboração ao Ministério Público e ao Poder Judiciário, como órgão auxiliar da função jurisdicional do Estado;

manter intercâmbio sobre os assuntos de interesse policial com órgãos congêneres federais e de outras unidades da Federação;

exercer outras atribuições necessárias ao cumprimento de suas finalidades, nos termos do Regulamento.

Lei nº 13.875 – DOE 07/02/2007