Organograma Estadual

Localização geográfica privilegiada em relação ao resto do mundo, pela proximidade com os grandes mercados
mundiais: Europa, América do Norte e Ásia. Fortaleza é não apenas a capital político-administrativa do Estado, mas
também destacado centro regional de comércio e serviços. A sua região de influência, segundo o IBGE, compreende.

SEFAZ

Secretaria da Fazenda

Download
  1. DIREÇÃO SUPERIOR
    1. SECRETÁRIO DA FAZENDA
    2. SECRETÁRIO ADJUNTO DA FAZENDA
  2. GERÊNCIA SUPERIOR
    1. SECRETARIA EXECUTIVA
  3. ÓRGÃOS DE ASSESSORAMENTO
    1. ASSESSORIA DE ESTUDOS, PESQUISAS E DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL
    2. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO E OUVIDORIA
    3. ASSESSORIA JURÍDICA
    4. CORREGEDORIA
    5. ASSESSORIA DA CAMPANHA SUA NOTA VALE DINHEIRO
  4. ÓRGÃOS DE EXECUÇÃO PROGRAMÁTICA
    1. COORDENADORIA DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA
    2. CÉLULA DE PLANEJAMENTO E ACOMPANHAMENTO
    3. CÉLULA DE CONTROLE E INFORMAÇÕES
    4. CÉLULA DE LABORATÓRIO FISCAL
    5. CÉLULA DE CONSULTORIA E NORMAS
    6. NÚCLEO DE BENEFÍCIOS FISCAIS
    7. CÉLULA DE GESTÃO FISCAL DOS SETORES ECONÔMICOS
    8. NÚCLEO SETORIAL DE ALIMENTOS
    9. NÚCLEO SETORIAL DE COUROS, CALÇADOS E BEBIDAS
    10. NÚCLEO SETORIAL DE PRODUTOS AUTOMOTIVOS
    11. NÚCLEO SETORIAL DE PRODUTOS TÊXTEIS
    12. NÚCLEO SETORIAL DE PRODUTOS FARMACÊUTICOS
    13. NÚCLEO SETORIAL DE PRODUTOS QUÍMICOS
    14. NÚCLEO DE AUDITORIA FISCAL DE JUAZEIRO DO NORTE
    15. NÚCLEO DE AUDITORIA FISCAL DE SOBRAL
    16. CÉLULA DE GESTÃO FISCAL DOS MACRO-SEGMENTOS ECONÔMICOS
    17. NÚCLEO SETORIAL DE COMUNICAÇÃO E ENERGIA ELÉTRICA
    18. NÚCLEO SETORIAL DE COMBUSTÍVEL
    19. CÉLULA DE GESTÃO FISCAL DA SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA E COMÉRCIO EXTERIOR
    20. NÚCLEO DE CONTROLE DO COMÉRCIO EXTERIOR
    21. NÚCLEO DE CONTROLE DE SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA DE CONVÊNIOS E PROTOCOLOS
    22. CÉLULA DE FISCALIZAÇÃO DA MERCADORIA EM TRÂNSITO
    23. NÚCLEO DE FISCALIZAÇÃO DA MERCADORIA EM TRÂNSITO NA DIVISA
    24. POSTOS FISCAIS (16)
    25. NÚCLEO DE FISCALIZAÇÃO ITINERANTE
    26. POSTO FISCAL ITAITINGA
    27. POSTO FISCAL CAUCAIA
    28. NÚCLEO DE REGISTRO DE NOTAS FISCAIS
    29. NÚCLEO DE FISCALIZAÇÃO E MONITORAMENTO ELETRÔNICO
    30. CÉLULA DE EDUCAÇÃO FISCAL E RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL
    31. COORDENADORIA DE PESQUISA E ANÁLISE FISCAL
    32. CÉLULA DE REVISÃO FISCAL
    33. CÉLULA DE PESQUISA, ANÁLISE E INVESTIGAÇÃO
    34. COORDENADORIA DO TESOURO ESTADUAL
    35. CÉLULA DA DÍVIDA PÚBLICA
    36. CÉLULA DE CONTADORIA DA ADMINISTRAÇÃO DIRETA
    37. CÉLULA DE CONTADORIA DA ADMINISTRAÇÃO INDIRETA
    38. CÉLULA DE PLANEJAMENTO, ASSESSORAMENTO E DESENVOLVIMENTO
    39. CÉLULA DE GESTÃO DE ATIVOS
    40. COORDENADORIA DE GESTÃO FINANCEIRA
    41. CÉLULA DE CONTROLE FINANCEIRO
    42. CÉLULA DE CONTROLES OPERACIONAIS
  5. ÓRGÃOS SETORIAIS DE EXECUÇÃO
    1. COORDENADORIA DA EXECUÇÃO TRIBUTÁRIA
    2. CÉLULA DE GESTÃO, PLANEJAMENTO E ACOMPANHAMENTO
    3. CÉLULAS DE EXECUÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA (5)
    4. CÉLULAS DE EXECUÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA (6)
    5. NÚCLEOS DE ATENDIMENTO E MONITORAMENTO (6)
    6. CÉLULAS DE EXECUÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA (6)
    7. NÚCLEOS DE ATENDIMENTO E MONITORAMENTO (6)
    8. CÉLULA DE EXECUÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA DE CRATEÚS
    9. NÚCLEO DE ATENDIMENTO E EM TAUÁ
    10. CÉLULAS DE EXECUÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA (2)
    11. NÚCLEOS DE ATENDIMENTO (2)
    12. NÚCLEOS DE MONITORAMENTO (2)
    13. CÉLULA DE EXECUÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA DE RUSSAS
    14. NÚCLEO DE ATENDIMENTO E MONITORAMENTO EM RUSSAS
    15. NÚCLEO DE ATENDIMENTO E MONITORAMENTO EM LIMOEIRO DO NORTE
    16. NÚCLEO DE ATENDIMENTO EM ARACAI
    17. CÉLULAS DE EXECUÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA (3)
    18. NÚCLEO DE ATENDIMENTO E MONITORAMENTO
    19. NÚCLEO DE ATENDIMENTO
  6. ÓRGÃOS DE EXECUÇÃO INSTRUMENTAL
    1. COORDENADORIA ADMINISTRATIVA E DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
    2. CÉLULA DE INFRAESTRUTURA
    3. CÉLULA DE RECURSOS LOGISTICOS
    4. CÉLULA DE GESTÃO DA TERCEIRIZAÇÃO
    5. CÉLULA DE FINANÇAS
    6. NÚCLEO DE CONTRATOS
    7. CÉLULA DE GESTÃO DE PESSOAS
    8. CÉLULA DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS
    9. CÉLULA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES
    10. CÉLULA DE ANÁLISE, PESQUISA E PLANEJAMENTO
    11. CÉLULA DE PRODUÇÃO E OPERAÇÕES
    12. CÉLULA DE ADMINISTRAÇÃO DE DADOS E CONHECIMENTOS
  7. ÓRGÃO DE JULGAMENTO DE PROCESSOS ADMINISTRATIVO-TRIBUTÁRIO
    1. CONTENCIOSO ADMINISTRATIVO TRIBUTÁRIO
    2. CÉLULA DE JULGAMENTO DE DE 1ª INSTÂNCIA
    3. CÉLULA DE ASSESSORIA PROCESSUALTRIBUTÁRIA
    4. CÉLULA DE CONTROLE ADMINISTRATIVO E INSTRUÇÃO PROCESSUAL
    5. CÉLULA DE PERÍCIAS FISCAIS E DILIGÊNCIAS

Competências

Auxiliar direta e indiretamente o Governador na formulação da política econômico tributária do Estado;

Realizar a administração de sua fazenda pública;

Dirigir, superintender, orientar e coordenar as atividades de tributação, arrecadação, fiscalização, recolhimento e controle dos tributos e demais rendas do erário;

Elaborar, em conjunto com a Secretaria do Planejamento e Gestão, o planejamento financeiro do Estado;

Administrar o fluxo de caixa de todos os recursos do Estado e o desembolso dos pagamentos;

Gerenciar o sistema de execução orçamentária financeira e contábil patrimonial dos órgãos e entidades da Administração Estadual;

Superintender e coordenar a execução de atividades correlatas na Administração Direta e Indireta.

Lei nº 13.875 – DOE 07/02/2007

Entidade Vinculada

Junta Comercial do Estado do Ceará (Jucec)